Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Legend – Bob Marley & The Wailers (Island-1984)

Por Fabian Chacur

Se estivesse vivo, Bob Marley teria feito 65 anos no último dia 6 de fevereiro. Como na verdade ele continua presente na vida de todos nós graças a suas canções inesquecíveis, vale lembrar seu álbum mais espetacular.

Chega a ser covardia colocar uma coletânea como melhor disco do Rei do Reggae. Afinal de contas, em seus quase 20 anos de carreira o cantor, compositor e músico jamaicano lançou trabalhos ótimos.

Portanto, uma seleção de canções matadoras é realmente tranquilo de se fazer. Mas Legend é um caso muito especial e merece quebrar essa regra de sempre privilegiar discos de carreira por aqui.

Lançada em 1984, três anos após a prematura morte de Marley aos 36 anos, esta compilação dá uma geral no que de melhor ele gravou em seus anos na Island Record, precisamente entre 1973 e 1981.

São 14 faixas indiscutíveis, colocadas emsequência simplesmente irresistível. Difícil colocar para tocar e tirar antes do final. Começam os primeiros acordes de Is This Love e quando você se dá conta, já está em Jamming, que encerra o CD

Ouvir o repertório desta compilação ajuda a entender o porque Marley permanece relevante em pleno século 21. Ele vai muito além do ritmo que ajudou a criar e divulgar mundo afora.

Além de ritmicamente irresistíveis, suas canções também apostavam em melodias inspiradas e bem encadeadas, além de letras fortes abordando temas como vida, sonhos, amor, política e espiritualidade, sem nunca se perder em soluções fáceis e banais.

Sua voz era linda e de um carisma sublime, e os músicos que o acompanhavam sabiam tirar tudo o que de melhor as melodias criadas pelo Rei do Reggae podiam gerar. Resultado: música ótima e acima de rótulos.

Não é por acaso que Legend vendeu mais de dez milhões de cópias nos Estados Unidos e algo em torno disso no resto do mundo, tornando-se o trabalho de reggae mais vendido de todos os tempos.

E vale lembrar que o repertório inclui não a boa versão de estúdio de No Woman No Cry, mas sim a excepcional ao vivo gravada em 1975 no teatro Lyceum, em Londres e lançada no álbum Live!.

Há momentos em que os anjos do bem parece que se incorporam em alguns músicos, fazendo com que eles rendam além da imaginação nos palcos, e é exatamente isso o que ocorre nessa live version da canção que Gilberto Gil verteu competentemente para o português.

Legend inclui maravilhas como Is This Love, No Woman No Cry, Could You Be Loved, Three Little Birds, Get Up Stand Up, Stir It Up, I Shot The Sheriff…. É só bala. Até existem compilações com mais faixas, mas esta aqui é perfeita.

5 Comments

  1. Valeu pela visita, Mario Persona, e volte sempre!!!!

  2. Um dos poucos Cd’s que reune as melhores de um artista onde TODAS as musicas sao sensacionais. Tenho varios Cd’s desse tipo ( the best of) mas muito poucos sao realmente aqueles que contem somente musicas de top of the pop’s.

  3. Essa coletânea é, como diria um grande amigo meu, “uma bala após a outra”. Só músicas boas!!!!! Grande abraço, Cláudio, e volte sempre!!!!

  4. larissa ribeiro ribas

    November 25, 2011 at 11:12 pm

    eu acho que o bob é o rei do mundo sou sua fâ

  5. admin

    November 26, 2011 at 8:54 pm

    Larissa, o Bob Marley foi realmente um rei!!! Suas músicas permanecem atuais, e ninguém fez reggae melhor do que ele. Bjs, obrigado pela visita e volte sempre!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

*

© 2020 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑