Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Morre Jimmy Ellis, a voz de Disco Inferno

Por Fabian Chacur

Morreu nesta quinta-feira (8) nos EUA aos 74 anos o cantor Jimmy Ellis. Ele ficou famoso como vocalista dos Trammps, grupo que estourou mundialmente com a música Disco Inferno, um dos destaques da trilha sonora do filme Os Embalos de Sábado à Noite (Saturday Night Fever, 1977).

Ellis se aposentou na metada da década passada, após deixar o grupo. Não foi ainda divulgada a causa de sua morte. Ele nasceu em 1937.

Os Trammps surgiram no início da década de 70, integrado por músicos experientes da cidade de Filadélfia, uma das mais importantes da black music americana e um dos berços da disco music.

A voz potente e influenciada por James Brown de Ellis tinha como parceiros de banda Ron Baker (baixo e vocal -1947-1990), Norman Harris (guitarra – 1947-1987), Earl Young (vocais e bateria), os irmãos Harold e Stanley Wade (vocais), Robert Upchurch (vocais) e Ron Kersey (teclados – 1945-2005).

Enquanto consolidavam a carreira de sua própria banda, eles participaram de diversas gravações na seminal gravadora Philadelphia International, dos compositores e produtores Kenny Gamble e Leon Huff, lar de astros como Billy Paul, The O’Jays, Harold Mevin & The Blue Notes e tantos outros.

O primeiro sucesso do grupo ocorreu em 1972 com Zing Went The Strings Of My Heart, releitura de canção gravada originalmente por Judy Garland em 1943. No Brasil, essa música ficou conhecida com o “pseudônimo” O Som da Maça e integrou a trilha da novela Pecado Capital (1976), curiosamente quatro anos após seu lançamento nos EUA.

A carreira dos Trammps ganhou força a partir de sua entrada na Atlantic Records. O primeiro lançamento por essa gravadora foi o álbum Where The Happy People Go (1976), um dos melhores trabalhos da história da disco music e incluindo hits como That’s Where The Happy People Go, Soul Searchin’ Time e Disco Party, entre outras.

Disco Inferno, o segundo álbum do grupo na Atlantic, saiu no final de 1976 e conseguiu boa repercussão inicial. O estouro, no entanto, ocorreu quando a faixa título entrou na trilha de Os Embalos de Sábado à Noite, sendo utilizada em uma das cenas mais empolgantes do filme.

Além de ajudar a tornar a trilha de Saturday Night Fever uma das mais populares de todos os tempos, Disco Inferno atingiu o 11º posto na parada de singles americana em 1978.

Embora tenha lançado músicas legais como The Night The Lights Went Out e Soul Bones, o sucesso dos Trammps a rigor acabou no fim dos anos 70, quando saíram da Atlantic Records.

Ellis ficou durante muitos anos afastado dos Trammps, mas entre 2003 e 2006 fez shows com a atual formação da banda, que mantém apenas os irmãos Stanley e Harold Wade e Robert Upchurch dos bons tempos. Por sua vez, Earl Young mantém uma versão alternativa do grupo.

Incluída em 2005 no Dance Music Hall Of Fame, Disco Inferno possui uma das batidas mais influentes de todos os tempos, e foi usada na releitura feita por Lulu Santos e Marcelo Memê Mansur de O Descobridor dos Sete Mares, de Tim Maia, nos anos 90.

Para quem por ventura achar que os Trammps são só Disco Inferno, recomendo a audição urgente da coletânea This Is Where The Happy People Go-The Best Of The Trammps (1994), que inclui 18 faixas ótimas que mostram o como o seu trabalho entre 1972 e 1979 tinha grande consistência, e como a voz de Jimmy Ellis era marcante e swingada.

3 Comments

  1. Deus e o mundo chupou esta batidinha da Disco Inferno.Até a Madonna no Confession on the Dance Floor, no DVD….As músicas dos Embalos de Sábado à Noite seradas, sempre serão lembradas…

    Saudações, Chacur!

  2. Oi, Fabian

    Quem chupou também essa batida de Disco Inferno aqui no Brasil foi Lulu Santos, na regravação de Descobridor dos Sete Mares.

    Abs
    André Luiz

  3. É verdade, André, e o Lulu fez muito sucesso com essa releitura, como coloquei no post. Eita batida influente!!!! Grande abraço e tuuuuudo de bom procê!!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

*

© 2020 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑