Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Ronnie Von terá 3 álbuns relançados em vinil

Por Fabian Chacur

A Polysom, fábrica brasileira de discos de vinil que foi reaberta em 2010, após alguns anos fora de ação, anunciou mais três títulos para a coleção Clássicos Em Vinil, na qual relançou no clássico formato bolachão álbuns importantes da música brasileira, como Cabeça Dinossauro (Titãs), A Tábua de Esmeraldas (Jorge Ben) e a discografia completa do grupo carioca Los Hermanos.

Desta vez, foram selecionados três títulos seminais da discografia do cantor e apresentador televisivo Ronnie Von. Os álbuns são Ronnie Von (1969), A Misteriosa Luta do Reino de Parassempre Contra o Império de Nuncamais (1969) e A Máquina Voadora (1970), todos lançados na época pela Polydor (hoje Universal Music).

Os três discos fazem parte da fase psicodélica da carreira de Ronnie, e eram disputados a tapa nos sebos da vida a preços proibitivos. Embora não tenham feito sucesso comercial na época, com o passar dos anos foram reavaliados e hoje são considerados clássicos do rock brasileiro.

Ronnie Von e A Máquina Voadora voltaram ao mercado nacional em 2007 no formato CD, junto com Ronnie Von (1966, que inclui Meu Bem, versão de Girl, dos Beatles), enquanto A Misteriosa Luta do Reino de Parassempre Contra o Império de Nuncamais estava fora de catálogo há mais de 40 anos.

Os relançamentos são no padrão de vinil de 180 gramas (o melhor, segundo os especialistas) e com capas luxuosas, ao custo médio de R$ 70 por cada exemplar, disponíveis nas melhores lojas do país (as que sobraram, evidentemente) e também pelo site da própria Polysom e outros sites que comercializam títulos em vinil.

Segundo a assessoria de imprensa da Polysom, em 2012 a fábrica produziu 24.120 exemplares no formato LP e 12 mil no formato compacto, números bem significativos na atual fase do mercado fonográfico brasileiro. Além dos nomes citados, artistas como Pitty, Maria Rita, Nação Zumbi e Fernanda Takai tiveram títulos lançados em vinil, nos últimos tempos.

Ouça Silvia: 20 Horas, Domingo, com Ronnie Von, do álbum Ronnie Von (1969):

9 Comments

  1. Caramba! Quem toca essa guitarreira encardida aí….?

  2. Neder, você fez uma pergunta SINCRONICÍSTICA! (essa foi demais!)
    Essa guitarreira é tocada pelo marido da guitarreira, ou seja, pelo Guitarreiro!
    Aquele mesmo cujo codinome é Luiz Wagner. Abçs

  3. Complementando: Guitarreira encardida é pra quem sabe fazer, não é pra qualquer “bandinha cê” (eu ia até pedir desculpas por meu excesso de sinceridade na postagem sobre o “Abraçaço”, mas agora vou continuar entornando o caldo, hehe)

  4. Luiz Wagner, o guitarreiro, que também é coautor dessa música. Grande figura, por sinal. E pare de falar mal da fase Cê do Caetano, Cláudio, pois senão eu te dou um abraçaço de urso, heim? E de urso de verdade, não no sentido figurado ehehehe Brincadeirinha!!! E vamos combinar: essa gravação do Tio Ronnie é demais!!!!

  5. Eu também tive o prazer de cumprimentar pessoalmente o Mestre Guitarreiro no MIS, quando do lançamento do Arquivo do Rock Brasileiro, tá lembrado, Chacur? Eu não via você há muitos anos e, felizmente, voltei a te encontrar várias vezes mais recentemente. Mas aquela noite, no MIS, foi a última vez que vi sua (yours) vasta cabeleira “quase black power”, hahaha.

  6. Realmente, com essa da guitarreira, ainda que no feminino, bati meu recorde de sincronicidade (há um histórico bem vasto com o Foá, viu Chacur…).

    “A star fall, a phone call
    It joins all
    Synchronicity”

    Estou começando a ficar com medo de mim….

  7. Uma honra ter vocês por aqui, Neder e Cláudio. Acrescentam e muito ao Mondo Pop. Voltem sempre e sempre. Grande abraço, tuuuudo de bom, e viva o tio Ronnie e o Guitarreiro!!!

  8. Como vai Fabian Chacur? Já tinha ouvido os discos “fase psicodélica” do Tio Ronie…imagino em vinil. Em tempo…lembra-se do grupo Reflexo???rsrsrs. Bom te encontrar na rede, velho amigo…espero que esteja em paz e com saúde.abraço..Toninho Starr(baterista).

  9. admin

    May 24, 2013 at 8:57 pm

    Toninho, o baterista do Reflexo e do Revolution, entre outros grupos? Caramba, estava mais sumido do que dinheiro ehehehehe. Bom saber que você está por aí, vivo e com saúde. Grande abraço, e vou te mandar um e-mail uma hora dessas!!! E viva os Beatles!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

*

© 2019 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑