Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: bento araújo

Bento Araújo e crowdfunding para lançar seu segundo livro

lindo sonho delirante 2 capa livro-400x

Por Fabian Chacur

Em 2016, o jornalista, crítico musical, pesquisador e colecionador de discos Bento Araújo conseguiu concretizar um sonho, ao lançar o excepcional livro Lindo Sonho Delirante- 100 Discos Psicodélicos do Brasil (leia a resenha de Mondo Pop aqui).

A repercussão não poderia ter sido melhor, com direito a ótimas vendas em mais de 40 países, cotação máxima (cinco estrelas) na seminal revista britânica Record Collector, ser considerado um dos dez melhores livros sobre música lançados em 2016 pelo conceituado site Vinyl Factory e inúmeras entrevistas e resenhas mundo afora. Seria lógico imaginar o lançamento de um segundo volume, e é exatamente isso o que Bento está batalhando para concretizar.

Ele novamente se vale do crowdfunding, também conhecido como financiamento coletivo, estratégia criada para viabilizar projetos importantes sem a necessidade de envolver grandes editoras no processo. E mais uma vez a coisa começa bem. Em apenas três dias no site Catarse, Bento conseguiu atingir 50 % da meta mínima capaz de viabilizar o projeto. O prazo para atingir tal objetivo é o dia 14 de junho, e o interessado pode colaborar de várias maneiras (saiba mais aqui).

Intitulado Lindo Sonho Delirante Vol.2- 100 Discos Audaciosos do Brasil (1976-1985), a nova obra do jornalista trará resenhas de álbuns de artistas como Tom Zé, Odair José, Belchior, Lula Côrtes, Arnaldo Baptista, Zé Ramalho, Cátia de França, Luli & Lucina, Papa Poluição, Itamar Assumpção, Aguilar e Banda Performática, A Barca do Sol e outros. Uma das opções do financiamento coletivo permite ao colaborador que investir R$ 95,00 conseguir um exemplar do livro com frete grátis, sendo que o preço pós-campanha será de R$ 120,00.

Veja o vídeo com Bento falando sobre o livro:

Lindo Sonho Delirante é livro com um padrão internacional

bento-araujo-livro-capa-400x

Por Fabian Chacur

Conheci o Bento Araújo quando ele trabalhava na mitológica e saudosa Nuvem Nove Discos, ponto de encontro para se conseguir os melhores CDs, DVDs, LPs e outros itens relativos a música e também para se conviver com grandes figuras ligadas a esta cena. Lá se vão uns 20 anos, mais ou menos. E quanta coisa se passou desde então… Até chegarmos a esse seu primeiro livro, o incrível Lindo Sonho Delirante- 100 Discos Psicodélicos do Brasil. Que bela trajetória!

Durante esses anos incríveis, ele se formou em jornalismo, comprou inúmeros livros, discos e quetais, criou o histórico Poeira Zine em 2003 e esteve envolvido em diversos projetos bacanas ligados à música. Seu trabalho sempre teve como marcas a busca pelas informações corretas, a troca de figurinhas com pessoas importantes para a música no Brasil e principalmente uma paixão sem limites por seu objeto de estudo. Além, é claro, de um texto impecável.

Seu primeiro livro chega em momento de maturidade pessoal, e isso reflete no conteúdo. Viabilizado com financiamento coletivo a partir do site Catarse, Bento não mediu esforços para que o seu trabalho tivesse o mesmo altíssimo padrão daqueles lançamentos americanos e ingleses que possui em seu rico acervo. Nivelou por cima, o que certamente deve ter dificultado um bocado a realização desse verdadeiro “sonho maluco do seo Bento”. Mas valeu a pena!

Lindo Sonho Delirante- 100 Discos Psicodélicos do Brasil é uma publicação deslumbrante a partir de sua apresentação visual, simplesmente perfeita em termos de edição, diagramação, capa etc. Uma de suas grandes sacadas é o fato de ser uma edição bilíngue português-inglês, o que certamente a torna bem atraente para os fãs de música dos quatro cantos do planeta.

A concepção do conteúdo é simples. Bento compilou 100 lançamentos, entre compactos simples, compactos duplos e LPs de vinil lançados por artistas brasileiros entre 1968 e 1975 e que se encaixam dentro do conceito de uma psicodelia musical à moda brasileira. Cada verbete traz textos concisos, informativos e opinativos sobre os lançamentos, com direito a reprodução de suas respectivas capas e relação de músicas.

Os títulos escolhidos trazem desde figurinhas carimbadas da nossa música como Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal Costa, Os Mutantes e Secos & Molhados até obras raríssimas de nomes obscuros como Marconi Notaro, Loyce & Os Gnomos e Liverpool, além de alguns inesperados para a maioria das pessoas, como João Donato e Ronnie Von. O livro mostra como o estilo psicodélico foi adaptado pelos músicos no Brasil e ganhou uma cara própria, original e marcante.

Lógico que algumas escolhas podem ser contestadas, enquanto outros ausentes certamente mereceriam estar aqui (tipo um Tim Maia Racional Volume 1, por exemplo), mas isso é totalmente secundário, pois não há como agradar a todos em uma seleção desse tipo. Uma dica é que você vez por outra encontra pequenas, mas importantes, diferenças entre os textos em português e em inglês, com direito a informações adicionais. Leia os dois, portanto.

O texto de introdução faz uma bela contextualização do universo musical abrangido por Bento Araújo, além de justificar seus critérios de escolha. Lindo Sonho Delirante (título de uma música gravada por Fábio, aquele do hit Stella e amigo do Tim Maia) é publicação essencial para quem curte ler sobre música brasileira, e coloca uma baita responsabilidade nas costas do autor: como lançar um próximo livro com este mesmo altíssimo nível? Mas não se assustem se esse cara atingir esse objetivo…

Mais informações sobre o livro aqui .

Lindo Sonho Delirante (LSD)- Fábio:

Bento Araújo e crowdfunding para concretizar o seu sonho

Lindo_Sonho_Delirante__B-400x

Por Fabian Chacur

Crowdfunding é uma palavra complicada para explicar uma coisa simples: vaquinha virtual. É o que esse tipo de ação busca, arrecadar dinheiro para viabilizar projetos culturais com pessoas que se interessem por eles. E é exatamente o que Bento Araújo está fazendo atualmente para tentar obter a verba que precisa para produzir e lançar seu 1º livro, Lindo Sonho Delirante- 100 Discos Psicodélicos do Brasil (1968-1975).

Até o dia 16 de agosto, o site catarse (entre aqui) abriga a campanha para a concretização do projeto deste talentoso jornalista, crítico musical, pesquisador e músico. Até o dia em que este post foi escrito, ele já havia conseguido contabilizar R$ 37.650,00, sendo que sua meta mínima é de R$ 45.000,00. Ou seja, pelo andar da carruagem, a obra irá se concretizar, para felicidade de quem gosta de livros sobre a nossa riquíssima música brasileira. Saiba como colaborar e os respectivos valores, além de outros detalhes, no link do Catarse.

Bento Araújo trabalhou em lojas de discos como a saudosa Nuvem Nove até iniciar seu bem-sucedido Poeira Zine. A publicação durou de 2003 até recentemente, gerando 69 edições e se tornando verdadeira referência em relação ao rock e à música brasileira de qualidade, especialmente as raridades. Ele também teve diversas matérias publicadas em órgãos de imprensa como O Estado de S.Paulo, Folha de São Paulo, revista Rolling Stone e vários outros.

Com 228 páginas coloridas, tamanho 21 centímetros de altura por 19.5 de largura e edição bilíngue português/inglês, o livro (cujo título dá, não por acaso, a sigla LSD, alucinógeno sempre relacionado ao cenário psicodélico) traz resenhas e informações detalhadas sobre 100 discos brasileiros psicodélicos, indo desde trabalhos conhecidos como Tropicália Ou Panis Et Circencis (de 1968, considerado por Bento o marco zero da cena psicodélica tupiniquim) até Paêbiru (1975, de Zé Ramalho e Lula Côrtes, o título mais recente incluído).

O elenco de artistas selecionados é amplo, trazendo obras de Mutantes, Daminhão Experiença, A Bolha, Casa das Máquinas, Arthur Verocai, João Donato, Marcos Valle e outros. Também temos um texto dando uma geral nessa cena e contextualizando o gênero dentro do panorama nacional e mundial. Tipo da publicação que tem tudo para se tornar clássica, levando-se em conta o alto nível do trabalho de Araújo. O preço do livro deve girar em torno de R$ 95,00, inicialmente comercializado apenas pelo autor. Saiba mais no link do catarse.

Arthur Verocai- LP em streaming (1972):

Tropicália ou Panis Et Circences em streaming (1978):

Paêabirú- Lula Cortez e Zé Ramalho (1975) em streaming:

© 2019 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑