Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: fafá de belém

Fafá de Belém mostra o novo CD e hits no Rio de Janeiro

fafa de belem 2017-400x

Por Fabian Chacur

Há 40 anos na estrada, Fafá de Belém não se cansa de experimentar novos formatos musicais e estilísticos, o que certamente ajuda a entender o porque ela se mantém firme no coração do público. Ela mostra nesta quinta-feira (29) às 21h no Rio de Janeiro, no Teatro Bradesco Rio (avenida das Américas, nº 3.900- loja 160- Shopping VillageMall- Barra da Tijuca- fone 0xx21-3431-000) o show Do Tamanho Certo Para o Meu Sorriso, mesmo título de seu novo álbum. Os ingressos custam de R$ 60,00 a R$ 180,00.

A parte visual e de direção cênica do show ficou a cargo do badalado Paulo Borges, e traz projeções de imagens ilustrativas da carreira da estrela paraense e também duas trocas de figurino. Ela define o roteiro como uma viagem em torno de sua trajetória de vida. A direção musical é de Manoel e Felipe Cordeiro, pai e filho, ambos paraenses, que por sinal terão seu momento solo no espetáculo, com duas instrumentais.

Para quem não conhece, Manoel é um dos reis da guitarrada, um dos gêneros mais criativos e populares oriundos do Pará, enquanto seu filho Felipe se firma como um dos nomes mais promissores da atual MPB, com direito a parcerias com caras do porte de Arnaldo Antunes e Zeca Baleiro e hits como a irresistível É Tarja Preta. Vale o registro: serão apenas eles dois no palco, acompanhando a conterrânea.

O repertório do show traz músicas do CD Do Tamanho Certo Para o Meu Sorriso, lançado pela gravadora Joia Moderna, do DJ Zé Pedro, entre os quais Ao Por do Sol, Asfalto Amarelo, O Gosto da Vida e Meu Coração é Brega, além de alguns dos maiores sucessos de sua carreira, entre os quais Abandonada e Bilhete são presenças garantidas no show dessa grande cantora, dona do sorriso mais contagiante desta terra.

Asfalto Amarelo– Fafá de Belém:

Baixe grátis três músicas de Camila Honda

Por Fabian Chacur

Já estão disponíveis para download legal e gratuito no Portal Natura Musical três músicas que farão parte do álbum de estreia de Camila Honda. As canções gravadas pela cantora e compositora paraense são Coração na Balança, Tamba-Tajá e Aparelhagem de Apartamento, e poderão ser baixadas a partir do site do Natura Musical, que você poderá acessar aqui .

As três faixas são uma bela amostra do que será o álbum de estreia de Camila, previsto para sair em março. Coração na Balança leva a sua assinatura e teve como inspiração uma lenda egípcia, com produção a cargo do badalado Felipe Cordeiro, que por sinal também produziu a releitura de Tamba-Tajá, de Waldemar Henrique e conhecida nacionalmente na gravação feita pela conterrânea Fafá de Belém em álbum de 1976 também intitulado Tamba-Tajá.

Mantendo o clima de investimento nos valores locais, a terceira faixa do EP virtual é Aparelhagem de Apartamento, regravação de música de outro grupo prestigiado na atual cena musical paraense, o Molho Negro. Produzida por Arthur Kunz, a versão de Camila Honda conta com a participação especial na guitarra de seu autor, João Lemos.

Influenciada por nomes como Beatles, Marisa Monte, Joan Baez e também por bossa nova e tropicalismo, Camila Honda traz como armas uma belíssima voz, boa capacidade em escolher canções alheias mais adequadas para reler e também ótimas composições próprias, algumas delas escritas em parceria com Felipe Cordeiro, Allan Carvalho e Jorge Eiró.

O trabalho de estreia de Camila foi viabilizado graças ao patrocínio do 1º edital Natura Musical exclusivamente dedicado à cena paraense, que foi possível devido ao apoio de leis de incentivo locais criadas pelo governo paraense. Criado em 2005, o programa Natura Musical já apoiou mais de 220 projetos culturais, e tem como criadora a Natura, empresa surgida em 1969 e a maior fabricante brasileira de cosméticos e produtos de higiene e beleza.

Tamba-Tajá, ao vivo, com Camila Honda:

Caixa reúne CDs clássicos de Fafá de Belém

Por Fabian Chacur

Poucas intérpretes da história da MPB começaram suas trajetórias com tanta força como Fafá de Belém. Em 1975, com apenas 19 anos, ela estourou nacionalmente com a música Filho da Bahia, trilha da novela global Gabriela. No ano seguinte, lançou seu primeiro álbum, Tamba Tajá, com boa repercussão.

Até o fim dos anos 70, a cantora paraense conseguiu consolidar sua carreira no cenário nacional graças a três álbuns excelentes: Água (1977), Banho de Cheiro (1978) e Estrela Radiante (1979).

A Universal Music está resgatando esses três álbuns em versões remasterizadas e luxuosas na caixa Três Tons de Fafá de Belém, com direito a embalagem luxuosa, encartes repletos de informações e com textos e organização a cargo do produtor Thiago Marques Luiz.

Água traz como marca a presença de sonoridades de várias regiões do Brasil, especialmente do Norte, e canções marcantes como Pauapixuna, Ontem Ao Luar, Raça, Sedução e Foi Assim. A nova versão conta com quatro faixas bônus: Emoriô, Naturalmente, Não Há Dinheiro Que Pague e uma versão em espanhol de Foi Assim.

Banho de Cheiro segue o mesmo espírito do trabalho anterior, e emplacou hits como Dentro de Mim Mora Um Anjo, Maria Solidária, Moça do Mar e Tanto.

O romantismo mais refinado é a marca de Estrela Radiante, como provam baladas belíssimas como Sob Medida, Memória e Que Me Venha Esse Homem, provando ser possível falar de amor sem cair em lugares comuns já frequentados por outros artistas.

Vale ressaltar a qualidade dos músicos que participam desses discos, que inclui entre outros gente do naipe de Wagner Tiso, Antonio Adolfo, Chico Batera, João Donato, Luis Alves, Francis Hime, Artur Verocai, Raul Mascarenhas e Cristóvão Bastos.

Três Tons de Fafá de Belém é uma boa oportunidade para reavaliarmos o lugar de Fafá de Belém na MPB, praticamente esquecida por boa parte dos críticos, embora tenha em seu repertório discos com a excelência dos três trabalhos incluídos nesta bela caixa.

Foi Assim, com Fafá de Belém:

Sedução, com Fafá de Belém:

© 2020 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑