Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: rio novo rock (page 2 of 3)

Bandas 161 e Baroni tocam na nova edição de Rio Novo Rock

baroni-banda-de-rock-400x

Por Fabian Chacur

Com mais de dois anos de existência, o projeto Rio Novo Rock (RNR) continua a todo vapor, tendo aberto espaços para 57 bandas e 28 DJs, com um público total superando as 12 mil pessoas. A ótima vitrine para o novo rock carioca e brasileiro prossegue nesta quinta (3/11) às 20h no Rio com shows dos grupos 161 e Baroni. O local é o Imperator- Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meyer- fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$ 10,00 e R$ 20,00.

Integrada por Paulo Cesar Baroni (vocal), Dinho Moura Baroni (guitarra), Rodrigo Relva (baixo) e Caio Delgado (bateria), a banda Baroni (FOTO) está na estrada desde 2012, e acaba de lançar o seu primeiro álbum, Quem Somos Nós?, lançado pela via independente. Oriundos da Zona Norte carioca,a banda tem forte histórico militante e acredita no poder transformador da música na existência do indivíduo.

Uma mistura de rock, rap da periferia e reggae praiano é o que nos oferece a banda 161, que tem em sua escalação Gabriel GB Bastos (vocal), Daniel Cardoso (baixo e vocais), Leticia Santos (bateria), Márcio Marques (guitarra) e Victor Fonseca (guitarra). Com pouco mais de dois anos de existência, eles lançaram recentemente Um Troféu Para Todo Fel, e já tocaram na Expomusic (SP), Moto Fest (Niterói-SP), Festival Sostício do Som (Petrópolis-RJ) e Tattoo Week (Rio de Janeiro-RJ), além de participação no programa global Superstar.

Também marcam presença no evento o experiente DJ Roberto Cruz e o igualmente rodado VJ Miguel Bandeira. O RNR costuma ter edições mensais, sempre na primeira quinta-feira de cada mês.

Candeia– Banda Baroni:

Selvagens à Procura de Lei e o Posada e o Clã tocam no RNR

sapdl-por-dario-matos2-400x

Por Fabian Chacur

O projeto Rio Novo Rock, que existe há quase dois anos e já teve 28 edições, com direito a 55 bandas e 27 DJs, terá nesta quinta-feira (6) uma das melhores bandas da nova geração do rock Brasil. Trata-se da Selvagens à Procura de Lei (foto), que estará na programação junto com os cariocas da Posada e o Clã. O show será realizado no Rio de Janeiro às 20h no Imperator- Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meier- RJ- fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$ 10,00 e R$ 20,00.

Criada em Fortaleza (CE) e na ativa desde 2009, a banda Selvagens à Procura de Lei é integrada por Gabriel Aragão (vocal, guitarra, piano e violão), Rafael Martins (vocal e guitarra), Caio Evangelista (aixo e vocal) e Nicholas Magalhães (bateria e vocal). Em seu currículo, os álbuns Aprendendo a Mentir (2011), Selvagens à Procura de Lei (2013) e Praieiro (2016). Seu som é uma efervescente mistura de rock com elementos da música brasileira, com resultado contagiante. Leia entrevista com eles aqui .

Representando o Rio de Janeiro nesta edição do RNR, Posada e o Clã tem em sua escalação Carlos Posada (vocal), Bruno Giorgi (guitarra), Gabriel Ventura (guitarra), Hugo Noguchi (baixo) e Gabriel Barbosa (bateria). Com seis anos de estrada, eles lançaram em 2013 o elogiado CD Posada, e atualmente finalizam um novo trabalho, Posada e o Clã 2016, a ser lançado em breve. Completam a programação do evento roqueiro o DJ Pantoja e o VJ Miguel Bandeira.

Tarde Livre– Selvagens a Procura de Lei:

Venus Café e Mobile Drink, as atrações do Rio Novo Rock

mobile drink 3Foto Oficial - Por Alysson Antunes

Por Fabian Chacur

Continua de vento em popa o projeto Rio Novo Rock (RNR), que há quase dois anos vem abrindo importantes espaços para as novas bandas cariocas e de outros estados. A edição de setembro, que será realizada nesta quinta-feira (1º/9) trará duas bandas da nova cena da Cidade Maravilhosa, Vênus Café e Mobile Drink (foto). Os shows ocorrem a partir das 20h no Imperator- Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meyer- Rio de Janeiro- fone 0xx21- 2597-3897), com ingressos custando R$ 10,00 (meia) e R$ 20,00 (inteira).

Integrada por Dangerous Dan (vocal), Captain Love (baixo), Frankie Goes (guitarra) e Leandro Fernandez (bateria), a Vênus Café apresenta um rock energético e ardido, com boas influências do hard rock da segunda metade dos anos 1970. Sem complicações nem frescuras, seu som nos proporciona bons momentos, entre os quais a impagável Rock N’ Roll Tupiniquim. Eles já abriram shows de Matanza e Rogério Skylab.

Desde o lançamento de seu primeiro CD, Rock (2007), a Mobile Drink conseguiu cativar uma boa leva de seguidores com um som furioso e potente que recentemente rendeu mais um lançamento, o EP Canções da Noite e Outros Tragos. O time roqueiro é composto por Ronan Valadão (vocal), Pablo Rodrigues (guitarra), Bruno Valadão (bateria) e Felipe Rodrigues (baixo). Esta edição do RNR também terá as participações do DJ Maurício Gouveia e do VJ Miguel Bandeira.

Rock N’ Roll Tupiniquim– Venus Café:

Canções da Noite e Outros Tragos (EP)- Mobile Drink:

Helga e Bullet Bane tocam no projeto rocker Rio Novo Rock

helga bx credito Pery Andrade-400x

Por Fabian Chacur

Com quase dois anos de existência, o projeto carioca Rio Novo Rock já teve 26 edições, com direito a 51 bandas, 25 DJs e público ultrapassando as 12 mil pessoas. Realizado no Rio sempre na primeira quinta-feira de cada mês, o RNR apresentará nesta quinta (4) as bandas Bullet Bane (SP) e Helga (RJ-FOTO). O evento terá início às 20h e será realizado no Imperator- Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meier-RJ- fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$ 10,00 (meia) e R$ 20,00 (inteira).

Na estrada desde 2009, a banda paulista Bullet Bane é integrada por Victor (vocal), Danilo Souza (guitarra), Fernando Ueara (guitarra), Rafael (baixo) e Renan (bateria). Seu hardcore melódico já abriu show das badaladas bandas internacionais Millencolin e NOFX, e gerou os álbuns New World Broadcast (2011) e Impavid Colossus (2015). Eles também fizeram uma bem-sucedida turnê pela Argentina, registrada em vídeo.

Embora há pouco na estrada, a Helga conta com músicos experientes da cena carioca, ex-integrantes de Rodox, Luxuria e Jason. O time traz Vital (vocal), Pedro Nogueira (guitarra), Eric Kendi (baixo) e Daniel Machline (bateria), e faz um rock ardido com influências de stoner, grunge, hard e heavy. No currículo, os trabalhos Helga (2014) e Ninguém Sai Ileso de Ninguém (2016) e abertura de shows de Paramore e Kings Of Leon.

Além do rock ao vivo, o evento também trará a discotecagem da DJ Eliza Schinner, que também é conhecida como baixista do grupo Nove Zero Nove, que já participou do RNR, e do VJ Mad.

crédito da foto publicada neste post: Pery Andrade

Solid Ground– Bullet Bane:

Bon Vivant– Helga:

Bandas Dônica e El Toco são a dobradinha do RNR no Rio

donica banda-400x

Por Fabian Chacur

O projeto Rio Novo Rock (RNR) prossegue nesta quinta-feira (7) com shows das bandas Dônica e El Toco. O DJ Bonham e o VJ Miguel Bandeira também participam desta edição do evento, que abre espaços preciosos para os novos grupos de rock cariocas e brasileiros. O show será realizado a partir das 20h no Imperator Centro Cultura João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meyer- fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$ 10,00 (meia) e R$ 20,00 (inteira).

Integrada por José Ibarra (vocal e teclados), Lucas Nunes (guitarra), Miguel Guimarães (baixo), André Almeida (bateria) e Tom Veloso (violão e composições), a banda Dônica (foto) lançou seu primeiro CD, Continuidade dos Parques, em 2015, pela Sony Music. O trabalho contou com as participações especiais de Milton Nascimento, Pedro Baby e Dora Morelembaum, e mereceu muitos elogios dos críticos.

A sonoridade do quinteto carioca mistura elementos do rock progressivo e da MPB dos anos 1970, especialmente do Clube da Esquina, o que explica a participação do Bituca de Três Pontas no trabalho (na faixa Pintor). Afora o fato de ter em sua escalação Tom, que é filho de Caetano Veloso, o grupo conquistou fãs com um trabalho ousado, e já tem no currículo participação em festivais do porte do Lollapalooza Brasil e do Rock in Rio.

Oriundo de São Bernardo do Campo, Daniel recebeu o apelido de Toco por não ter parte do seu braço direito, codinome que incorporou de forma bem-humorada. Ao se mudar para o Rio, intensificou o trabalho de sua banda, a El Toco, que lançou o CD Uno em 2015 e traz entre suas influências Nação Zumbi, Clara Nunes e um tempero próprio com direito a muita latinidade, africanidade e até mesmo mantras orientais.

Bicho Burro– Dônica:

Pintor– Dônica e Milton Nascimento:

Esses Meninos– El Toco:

Bandas Linda Lobo e Vital são as atrações do Rio Novo Rock

foto mariana gomes - linda lobo-400x

Por Fabian Chacur

Duas bandas da novíssima geração do rock carioca serão as atrações deste mês do Rio Novo Rock (RNR), projeto que existe há quase dois anos na cidade do Rio de Janeiro e que já teve 23 edições, com a presença de 47 bandas e 23 DJs. Estão escalados para a festança os grupos Linda Lobo (FOTO) e Vital. O show rola nesta quinta-feira (2/6) às 20h no Imperator- Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meier- fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$ 10,00 (meia) e R$ 20,00 (inteira).

Na estrada desde 2013, a banda Vital é integrada por Pedro Anversi, Marcelo Caldas, Matheus Buonocore, Lincoln Bispo e Felipe Lopes. Seu som é uma mescla de hard rock e rock alternativo, com influências de Three Days Grace e Velvet Revolver, entre outros. Eles acabam de lançar o EP Selvagem, com produção a cargo do experiente Felipe Rodarte. Combustão, Amanhecer e Martírio são algumas de suas músicas.

Por sua vez, a Linda Lobo surgiu em 2014 e já passou por palcos nobres como Circo Voador e Fundição Progresso. Estão no time Rocky Malias (vocal), Gustavo Antunes (guitarra), Lucas Castelo (guitarra), Figa (baixo) e Bernardo Salgueiro. Volume 1, seu novo EP, cujo subtítulo é “Histórias Selvagens de Uma Dama Fatal”, traz um rock ardido e com tempero blueseiro e dançante, incluindo faixas como Blues do Jon, Truque de Mágica e Linda e Louca. Também estão na programação do evento RNR deste mês o DJ Abrahin e o VJ Miguel Bandeira.

Volume 1 (EP)- Linda Lobo:

Combustão– Vital:

Grupos Versalle e Memora na nova edição de Rio Novo Rock

Versalle-400x

Por Fabian Chacur

Com quase dois anos de existência o evento Rio Novo Rock (RNR) abre espaços para novas e emergentes bandas do cenário rocker brasileiro. Já passaram por lá 45 bandas, com afluência de aproximadamente 10 mil pessoas. Em sua edição de maio, que será realizada no Rio de Janeiro dia 5/5 (quinta-feira) a partir das 20h, teremos as bandas Versalle (foto) e Memora, além do DJ Jairo Venâncio e do VJ Chico Abreu. O local é o Imperator- Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meier-RJ fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$10,00 e R$20,00.

Integrado por Rafael Lima (vocal, guitarra e violão), Filipe Lima (baixo e sintetizadores) e William Mardônio Jr. (bateria e loopers), a banda carioca Memora está na estrada desde 2012, e atualmente prepara seu álbum de estreia no estúdio Toca do Bandido, criado pelo saudoso produtor Tom Capone. Eles já lançaram singles legais, entre os quais Sede do Peixe e Ela, este último divulgado por um clipe delicioso.

A banda Versalle é oriunda de Porto Velho, Rondônia, e veio ao mundo em 2009. Ficou conhecida nacionalmente graças à destacada participação no programa televisivo Superstar em 2015, e lançou há pouco o álbum Distante Em Algum Lugar (SLAP-Som Livre). Fazem parte do time Criston Lucas (vocal e guitarra), Rômulo Pacífico (guitarra), Michel Pacheco (baixo) e Igor Jordir (bateria).

Ela– Memora:

Mente Cheia– Versalle:

Show arrecadará fundos para a banda Nove Zero Nove (RJ)

NoveZeroNove_1-400x

Por Fabian Chacur

O Rio Novo Rock (RNR), evento que há um ano e meio abre bons espaços mensalmente para as bandas mais bacanas do atual cenário do rock carioca, realiza nesta quinta-feira (10) a partir das 20h uma edição extra reunindo as bandas Nove Zero Nove e Clashing Clouds, mais as presenças do DJ Kleber Tuma e do VJ Chico Abreu. O local é o Imperator Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meier- fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$ 10,00 e R$ 20,00.

A causa é das mais nobres. No dia 6 de fevereiro, o apartamento do vocalista Mauricio Kyann foi atingido por um incêndio, que acabou com tudo o que o cantor tinha e também levou de quebra boa parte dos equipamentos de sua banda, a Nove Zero Nove. O nome do quinteto, por sinal, saiu exatamente do número desse apartamento, sua espécie de sede informal. Toda a renda pertencente ao RNR no evento será revertida para a banda.

Formada por Mauricio Kyann, Paulo Pestana, Marcius Machado, Eliza Schinner e Rafael Cabral, a Nove Zero Nove está na estrada desde 2009, e investe em um som energético, fruto de um mix de grunge, hardcore, rap e rock. Cova Rasa é uma de suas músicas mais legais. Por sua vez, a Clashing Clouds começou a carreira em 2010, e faz um som próximo do pós punk e do rock alternativo, só que do seu jeito. As duas bandas já tocaram com sucesso no RNR, na edição de dezembro de 2014.

Ouça EP do Nove Zero Nove em streaming (2013):

Cova Rasa– Nove Zero Nove:

The Baggios e Fleeting Circus tocarão no Rio Novo Rock-RJ

The Baggios por Snapic 55 A-400x

Por Fabian Chacur

O Rio Novo Rock (RNR) realiza a sua terceira edição do ano nesta quinta-feira (3) a partir das 20h no Rio de Janeiro com shows das bandas The Baggios (foto), que está confirmada para participar da versão 2016 do festival Lollapalooza Brasil, e Fleeting Circus. As apresentações terão como local o Imperator- Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, nº 170- Meier- fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$ 10,00 e R$ 20,00. A DJ Flora Mariah e o VJ Chico Abreu também marcarão presença.

Integrado por Julio Andrade (guitarra e vocal) e Gabriel Carvalho (bateria), o The Baggios surgiu na cidade de São Cristóvão, em Sergipe, e está na estrada há dez anos. Em seu currículo, três álbuns (entre os quais Sina, de 2013) e três EPs, nos quais mostram um rock com pegada de blues e elementos de música regional como tempero.

Por sua vez, os cariocas do Fleeting Circus tem em sua escalação Taynã Frota, Rodrigo Seven, Felipe Vianna, Lucas Faria e Daniel Seven. Na estrada desde 2011, eles tiveram a música Fake Station incluída na trilha sonora da novela global Guerra dos Sexos, e também fizeram a trilha para o espetáculo circense Unicirco Rock Show, dirigido pelo consagrado Jorge Fernando. Seu som mistura psicodelia, new prog e outras tendências do rock moderno.

Com um ano e meio de existência, o Rio Novo Rock (RNR) tem como objetivo abrir espaços para as novas bandas do cenário carioca e também de outros lugares do Brasil. Até hoje, já tivemos 20 edições, com a presença de 41 bandas, 20 DJs e um público total de aproximadamente 10 mil pessoas. Em 2016, o evento será realizado sempre na primeira quinta-feira de cada mês.

Fake Station-Fleeting Circus:

O Azar Me Consome– The Baggios:

Imperator Novo Rock retorna com novo nome e proposta

inky banda de rock-400x

Por Fabian Chacur

Com um ano e meio de existência, o projeto Imperator Novo Rock apresenta números bem bacanas. Um total de 37 bandas e 18 DJs se apresentaram em suas 18 edições, com público aproximado de dez mil pessoas. Voltado para o rock independente, a atração volta em 2016 com novidades, a partir do nome, agora Rio Novo Rock (RNR). O início é nesta quinta (7) às 20h, com as bandas Stellabella e Inky. O local é o mesmo, o Imperator- Centro Cultural João Nogueira (rua Dias da Cruz, 170- Meier-RJ- fone 0xx21-2597-3897), com ingressos a R$ 10 (meia) e R$ 20 (inteira).

Além do novo nome, o RNR também abrirá seus horizontes, agora comportando a participação de bandas independentes oriundas de outros estados. Esta primeira edição com o novo formato terá a banda Inky (FOTO), de São Paulo, que traz como destaque a vocalista Luiza Pereira e um currículo que inclui shows na Europa e América Latina, abertura para show do badalado LCD Soundsystem e o álbum Primal Swag, que aposta em sintetizadores e boas melodias.

Representando o Rio, teremos o trio Stellabella, formado em 2000 e integrado por André Stella (vocal e guitarra), China Mafra (baixo) e Adal Fonseca (bateria), este último também conhecido por seu trabalho com Kid Abelha, Paula Toller e Engenheiros do Hawaii. Seu som mescla grunge, punk, britpop e pop, e já gerou vários trabalhos bacanas, entre os quais o CD Invencível (2012) e o EP Rock In Der Vene! (2014).

O RNR será realizado sempre na primeira quinta-feira de cada mês, e continuará contando com bandas emergentes do cenário indie, além de DJs e VJs bacanas. No show desta quinta (7), marca presença o DJ Edinho, que atuou em casas de rock importantes como Crepúsculo de Cubatão e Dr. Smith, e o VJ Miguel Bandeira, que se incumbirá das imagens. O evento é organizado por Paulo Lopez.

Vambora– Stellabella:

Ela Me Altera– Stellabella:

Baião– Inky:

Coincide (Live At Picnik Festival)- Inky:

Older posts Newer posts

© 2019 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑