Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: tributo

Luiz Eça é celebrado em show com grandes nomes da MPB

Igor Ze Edu Dori Toninho_fotoBeatriz Giacomini-400x

Por Fabian Chacur

Luiz Eça (1936-1992) foi um dos grandes nomes da Bossa Nova. Seu trabalho como pianista, arranjador e compositor é louvado pelos maiores especialistas do gênero e pelos colegas mais antenados. O seu filho Igor fez uma bela homenagem ao pai com o CD Em Casa Com Luiz Eça, que em breve também sairá em versão DVD. O show, que traz ele e os brilhantes Dori Caymmi, Toninho Horta e Zé Renato, passa por São Paulo nesta terça (1º/8) às 21h no Theatro Net São Paulo (rua Olimpíadas, nº 360- Shopping Vila Olímpia- fone 4003-1212), com ingressos a R$50,00.

O trabalho de Luiz Eça e também o de seu grupo mais famoso, o Tamba Trio, mesclou brasilidade com jazz e música erudita. Ele também curtia muito tocar com os colegas, e é esse clima descontraído e produtivo que Igor procurou reproduzir neste show, que reúne os convidados em diversas formações diferentes, interpretando clássicos do repertório de Eça e também músicas dos repertórios dos participantes.

A música Tamba é uma das que reunirá todo o elenco no palco. Búzios marcará a performance em duo de Dori Caymmi e Zé Renato, enquanto Toninho Horta mergulhará em The Dolphin, tema de autoria do saudoso jazzista americano Bill Evans. Alegria de Viver, com Zé Renato e Toninho Horta, e Menino da Noite, compositor de Igor que homenageia o pai, são outras músicas previstas o repertório deste show, um grande tributo à nossa rica música popular.

Brazil 1970- Luiz Eça (ouça em streaming):

Marcos Lessa faz show no Rio em tributo a Emilio Santiago

marcos lessa credito chiquinho gadelha-400x

Por Fabian Chacur

A voz de Emilio Santiago (1946-2013) infelizmente se calou, mas não o seu legado como um dos grandes intérpretes da história da nossa música brasileira. Pouca gente tem talento suficiente para se arriscar a fazer um tributo a esse saudoso astro, e entre eles está Marcos Lessa. O jovem cantor fará no Rio neste domingo (28) um show com canções imediatamente associadas a Emilio. Será às 20h na Sala Baden Powelll (avenida Nossa Senhora de Copacabana, nº 360- fone 0xx21-2255-1067), com ingressos a R$ 40,00.

Lessa não é fraco, não. Ele terá a seu lado neste show, que já foi exibido com sucesso no Rio em agosto de 2016 no Beco das Garrafas, nada menos do que a banda que acompanhou Emílio Santiago durante dez anos. Os músicos, todos do primeiríssimo escalão, são Rafael Barata (bateria), Alex Rocha (baixo), Fernando Merlino (piano) e José Arimateia. No repertório, maravilhas como Saigon, Verdade Chinesa, Cadê Juízo e Flamboyant, entre outras. Vai ser de arrepiar!

Nascido em Fortaleza (CE) em fevereiro de 1991, Marcos Lessa ficou conhecido nacionalmente ao ser semifinalista do reality show musical televisivo The Voice Brasil em 2013. Não ganhou, mas provou ter uma voz excepcionalmente bela e bem treinada, como tivemos a oportunidade de conferir no excelente álbum Entre o Mar e o Sertão (leia a resenha de Mondo Pop aqui ). Um talento lapidado e intenso que ainda irá nos oferecer muitas coisas boas.

Lindo Lago do Amor (ao vivo)- Marcos Lessa:

Cantor Ben Portsmouth faz o tributo The King is Back no RJ

ben-portsmouth-elvis-2016-foto-alex-werkmeister-6-2-400x

Por Fabian Chacur

Existem centenas, para não dizer milhares de artistas mundo afora fazendo tributos ao grande e saudoso Elvis Presley. Poucos, no entanto, conseguem sequer se aproximar do brilho do eterno Rei do Rock. O cantor e músico britânico Ben Portsmouth é um dos que concretizam essa façanha. Ele se apresenta nesta terça-feira (11) às 21h no Rio de Janeiro com o show The King Is Back, que terá como palco o Teatro Bradesco Rio (avenida das Américas, nº 3.900- loja 160 do Shopping Village Mall- Barra da Tijuca- fone 0xx21-3431-0100), com ingressos de R$ 95,00 a R$ 290,00.

Em sua quinta turnê pelo Brasil, Portsmouth canta, toca violão e será acompanhado pela afiada banda de apoio Taking Care Elvis TCE Band, integrada pelos músicos David Portsmouth (bateria), Matthew Platt (teclados), Ryan Quartermaine (guitarra e vocais), Dan Caney (baixo e vocais), Cleo Stewart e Natalie Vale (vocais), Nicholas Mills (trombone) e Anatoliy Vyacheslavov (saxofone).

O repertório traz hits clássicos de Elvis, entre os quais Kiss Me Quick, Suspicious Minds, Love Me Tender e Jailhouse Rock. O cantor se vale de vários trajes, representando cada fase da carreira do grande astro americano, e possui um timbre vocal muito semelhante ao do original, que ele utiliza com classe. Vale dizer que em 2012 ele venceu o Worldwide Ultimate Elvis Tribute Artist Contest, competição realizada em Memphis, Tennessee, EUA, e já participou de importantes programas de TV e rádio mundo afora.

Ben Portsmouth e banda no programa de David Letterman-2013:

Cantoras homenageiam Guilherme Arantes

Por Fabian Chacur

Em 2011, nove bandas de Salvador (BA), entre as quais Maglore, Setembro e Neologia, homenagearam Guilherme Arantes ao gravar o álbum A Cara e o Coração, no qual releram as músicas de dois importantes álbuns do cantor, compositor e músico paulistano, A Cara e a Coragem (1978) e Coração Paulista (1980).

Agora, é a vez de vinte cantoras de diversas gerações fazer seu tributo a um dos grandes nomes da história da nossa música pop.

O resultado é A Voz da Mulher Na Obra de Guilherme Arantes, lançamento que o selo Joia Moderna, do DJ Zé Pedro, deve lançar no formato físico até o fim de maio. Mas o trabalho já está disponível em mídia digital na loja virtual de música iTunes.

Entre outras, estão presentes no álbum Zizi Possi, Vanessa da Mata, Fafá de Belém, Ângela RoRo, Verônica Ferriani, Mariana Aydar e Célia, em releituras inéditas de composições escritas por Guilherme e gravadas originalmente nos anos 70 e 80 do século passado.

Veja a relação das faixas de A Voz da Mulher Na Obra de Guilherme Arantes:

1Meu Mundo e Nada Mais (1976) – Zizi Possi
2 Brincar de Viver (1983) – Cida Moreira
3 Cuide-se Bem (1976) – Vanessa da Mata
4Planeta Água (1981) – Fafá de Belém
5Êxtase (1979) – Adyel Silva
6O Melhor Vai Começar (1982) – Marcia Castro
7Amanhã (1977) – Ângela RoRo
8Pedacinhos (1983) – Tiê
9Loucas Horas (1986) – Verônica Sabino
10Muito Diferente (1989) – Verônica Ferriani
11Cheia de Charme (1985) – Silvia Machete
12Águas Passadas (1976) – Mariana Aydar
13Primaveras e Verões (1989) – Vânia Bastos
14Aprendendo a Jogar (1980) – Maria Alcina
15O Amor Nascer (1981) – Célia
16Só Deus É Quem Sabe (1980) – Luciana Alves
17Despertar do Amor (1985) – Leila Pinheiro
18Toda Vã Filosofia (1988) – Fhernanda Fernandes
19Canção de Amor (1987) – Daniela Procópio
20Vivendo com Medo (1980) – Marya Bravo

© 2019 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑