Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: cpm 22

CPM 22 volta ao street punk no seu álbum Suor e Sacrifício

cpm 22-400x

Por Fabian Chacur

Foram seis longos anos sem lançar um álbum de estúdio de inéditas, mais precisamente desde 2011, quando saiu Depois de Um Longo Inverno. Nesse meio tempo, o CPM 22 nos proporcionou CPM 22 Acústico (2013) e Rock in Rio Ao Vivo (2016). O retorno aos CDs de estúdio ocorre com Suor e Sacrifício (Universal Music), também disponível no formato digital.

O guitarrista Luciano Garcia, no time desde 1999, define o novo álbum do grupo radicado em São Paulo (SP) como um trabalho 100% street punk. Esse CD marca a volta do baixista Fernando Takara, que havia saído em 2011 após seis anos de serviços prestados. Completam o grupo Badaui (vocal, fundador do time em 1995), Japinha (bateria, desde 1999 no grupo) e Phil Fargnoli (guitarra, entrou em 2014).

O retorno de Takara é explicado por Luciano. “Ele é o melhor baixista que já tivemos, e só saiu por problemas particulares dele, pois sempre se deu muito bem conosco. Quando o nosso baixista anterior saiu, pensamos em convidar o Fernandinho para voltar pro CPM 22, e por sorte ele já havia resolvido os problemas e estava doido para voltar; em um único ensaio, já estávamos entrosados de novo”.

O álbum já está pronto há algum tempo, mas demorou a ser comercializado e divulgado por causa do lançamento de Rock in Rio Ao Vivo, registro de sua marcante participação no megafestival de música. “Acho legal ter esse espaço entre os CDs de inéditas porque isso nos permite fazer trabalhos diferentes entre si; seguramos ele um pouco porque seria besteira lança-lo muito perto do CD/DVD do Rock in Rio”.

Por sinal, Luciano guarda ótimas recordações do show no festival carioca. “Olha, nunca mais vou ficar nervoso por causa de um show depois desse, pois tocamos só com bandas fortes, no palco principal, e com as mesmas condições técnicas das bandas internacionais, acho que colhemos os frutos que plantamos durante toda a nossa carreira”.

O repertório de Suor e Sacrifício traz 16 faixas autorais. Em Never Going To Be The Same, eles contam com a participação do americano Trever Keith, da banda Face To Face, uma das maiores influências no som do CPM 22. “Um puta orgulho para nós ter tido a participação do Trever no nosso CD. Tudo começou quando tocamos uma música do Face To Face no festival Planeta Atlântida, em 2008, e um fã nosso mandou para eles, que adoraram. Aí, resolvemos convidá-lo para participar do disco; demorou, mas aconteceu na hora certa e ficou perfeito”.

Outro momento importante do novo CD é Honrar Teu Nome, que Badauí fez em homenagem ao pai, que faleceu em 2016. “Foi a última música gravada para o disco, e a gente se emocionou muito com ela, pois gostávamos muito do pai dele”. O título do álbum, extraído de um dos versos da canção Conta Comigo, tem a ver com a dureza da vida de um rocker no Brasil. “É preciso engolir muita coisa para manter uma banda de rock no Brasil; passamos por muitas dificuldades, mas estamos aqui, e sem ter feito concessões, acreditando no nosso som”.

Já em plena turnê para divulgar o novo trabalho, Luciano não demonstra entusiasmo com os rumos do rock atual. “Não estou animado com nada do rock atual no Brasil ou no exterior, continuamos ouvindo os nossos ídolos. Hoje, todo mundo soa igual, é uma mesmice completa; quando surgimos, cada banda tinha a sua própria cara”.

Honrar Teu Nome– CPM 22:

Mix Ao Vivo chega ao Jabaquara

Por Fabian Chacur

Em vias de completar 50 anos de existência, o bairro paulistano do Jabaquara terá boa oportunidade para comemorar essa efeméride. Será no dia 23 de fevereiro, quando ocorrerá por lá a partir do meio-dia Mix Ao Vivo, projeto criado pelo Grupo Mix de rádio e TV em 2013. A programação inclui shows com Marcelo D2, CPM 22, Planta & Raiz e Onze:20, sendo a entrada gratuita.

O palco para os shows será instalado entre as avenidas Ugo Beolchi e Diederichsen, e os organizadores tem a expectativa de que em torno de 40 mil pessoas marquem presença por lá. O bairro, situado na Zona Sul de São Paulo, é bastante grande, e de suas raízes populares hoje inclui também um significativo contingente de pessoas da chamada classe média, que moram especialmente em prédios e conjuntos habitacionais.

Mix Ao Vivo conseguiu se viabilizar graças aos esforços do Grupo Mix de rádio e TV e da ação de apoiadores, possibilitando assim levar shows ao vivo gratuitos de grandes nomes da música pop brasileira. O rap de D2, o reggae raiz do Planta & Raiz e o rock hardcore melódico do CPM 22 dão uma boa amostra da amplitude da programação, além da revelação Onze:20, de Minas.

Você Diz Que o Amor Não Dói– Marcelo D2:

CPM 22 assina contrato com a Universal Music

Por Fabian Chacur

A banda paulista CPM 22, um dos destaques do rock nacional durante a década passada, acaba de assinar com a Universal Music. A gravadora lançará a partir de agora os próximos lançamentos do quarteto em parceria com a empresa XYZ Live, que gerencia a carreira dos rapazes, e com o empresário dos rockers, Alexandre Ramos.

O contrato foi firmado em evento ocorrido em um barzinho em São Paulo no qual estiveram presentes os integrantes do grupo, o presidente da Universal Music (José Éboli), o diretor artístico da gravadora (o inglês Paul Ralphes), o diretor de vendas da empresa (Rodrigo Ratto) e o empresário dos roqueiros, Alexandre Ramos.

O primeiro lançamento referente a esse contrato será um álbum acústico (ainda sem título definido), previsto para ser registrado em junho e com lançamento agendado para o segundo semestre deste ano. Mais detalhes sobre esse trabalho, como repertório, local de gravação etc, serão divulgados em breve.

Criado em 1995, o CPM 22 é integrado por Badauí (vocal), Japinha (bateria), Luciano (guitarra) e Heitor Gomes (baixo). Seu primeiro álbum, A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum, chegou às lojas em 2000. Eles rapidamente se tornaram destaque entre os roqueiros brasileiros na tendência emocore, mistura do punk hardcore com sonoridades mais melódicas e letras menos agressivas.

A discografia do quarteto inclui sete álbuns e três DVDs, com destaque para CPM 22 (2001), Felicidade Instantânea (2005) e MTV Ao Vivo (2006). Seu trabalho mais recente, Depois de Um Longo Inverno, é de 2011, e marcou o retorno dos rapazes ao mercado fonográfico após quatro anos sem lançar um novo trabalho.

© 2023 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑