Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: dancing queen

Cher lançará álbum de covers do grupo Abba em setembro

cher-400x

Por Fabian Chacur

Cher é uma das estrelas do filme Mamma Mia 2- Here We Go Again (no Brasil, Mamma Mia- Lá Vamos Nós de Novo), ao lado de Meryl Streep e extenso elenco. Para quem achou interessante o envolvimento dela com a música do Abba, uma notícia adicional dentro do mesmo universo. A cantora anunciou que lançará no dia 28 de setembro pela gravadora Warner o álbum Dancing Queen, com dez releituras de hits do célebre grupo sueco.

A premiada cantora, atriz, apresentadora e ativista política americana explicou as razões pela qual optou por esse novo projeto, em declaração divulgada em press-release pela gravadora:

“eu sempre gostei do Abba e vi o musical original de ‘Mamma Mia’, na Broadway, três vezes. Depois de filmar ‘Mamma Mia! Here We Go Again’, eu me lembrei novamente das músicas maravilhosas e pensei ‘por quê não fazer um álbum com música deles? As músicas eram mais difíceis de cantar do que eu imaginava, mas estou muito feliz com a forma como saiu. Estou muito animada para as pessoas escutarem. É um momento perfeito. ”

O CD foi gravado e produzido em sessões de gravação realizadas em Londres e Los Angeles por Mark Taylor, o mesmo produtor por trás do megahit Believe, que trouxe a estrela pop de volta às paradas de sucesso de todo o mundo há 20 anos. A primeira faixa a ser divulgada é Gimme! Gimme! Gimme! (A Man After Midnight), que Madonna usou em 2005 como base de seu sucesso Hung Up.

Confirma a tracklist completa de Dancing Queen:

1. Dancing Queen
2. Gimme! Gimme! Gimme! (A Man After Midnight)
3. The Name Of The Game
4. SOS
5. Waterloo
6. Mamma Mia
7. Chiquitita
8. Fernando
9. The Winner Takes It All
10. One Of Us

Gimme! Gimme! Gimme! (A Man After Midnight)– Cher:

DVD mostra o Abba em programas de televisão

por Fabian Chacur

A popularização do formato DVD levou algumas distribuidoras de pequeno porte a investir em lançamentos de títulos a preços bem atrativos, entre R$ 10 e R$ 15. Entre eles, você acha coisas muito interessantes.

Abba Live TV, por exemplo, é uma delícia de se ver. Trata-se basicamente de uma reunião de apresentações do quarteto sueco em programas da tevê alemã. Nelas, o grupo aparece dublando suas canções.

Ao vivo de verdade, só mesmo a megabrega I Have a Dream, com direito a coral infantil e tudo. Temos também videoclipes de Mamma Mia (que também aparece em “versão televisão”) e No Hay a Quien Culpar (infame versão em castelhano de When All Is Said And Done).

Os registros vão de 1976 a 1982. Neles, dá para conferir as mudanças de visual da loira Agnetha e da morena Frida, as roupas extremamente típicas dos exagerados anos 70 e, é óbvio, as músicas.

Temos aqui desde maravilhas pop de altíssimo calibre como S.O.S. , Mamma Mia, Dancing Queen, Take a Chance On Me e Super Trouper a horrores como Chiquitita, I Have a Dream e The Day Before You Came.

O DVD acaba sendo uma honesta amostragem do que era o Abba, uma das melhores bandas pop de todos os tempos, com seus acertos e erros.

Os vídeos tem momentos hilariantes, como em S.O.S., quando em determinada parte da música o público presente erra a hora de bater palmas junto com a banda.

Sensacional é a apresentação de Dancing Queen. Os quatro astros usam variações dos quimonos japoneses, o que gera um visual adoravelmente ridículo. Mas isso não é nada, comparado com o que ocorre no palco.

Não era incomum, nesse tipo de programa, os artistas terem de cantar com crianças sentadas entre eles. E as seis que participam de Dancing Queen fazem típica expressão facial de quem se sente de castigo. De cair de tanto rir!

Com aproximadamente uma hora de duração, Abba Live TV serve como o registro sem maquiagem de uma era em que o showbusiness vivia seus últimos momentos de ingenuidade.

Ou você consegue imaginar a Beyoncé participando de programas tão informais como os daqueles tempos, por exemplo? Ganha-se em qualidade técnica, perde-se em espontaneidade.

E pop sem espontaneidade é pop sem alma. Neste DVD, o Abba mostra que pode ser acusado de tudo, menos de falta de presença, de personalidade, de, enfim, de não ter alma. Essa definitivamente não era uma banda de zumbis musicais!

© 2022 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑