Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: rock americano anos 2000

The War On Drugs lança clipe e promete álbum para outubro

the war on drugs capa 400x

Por Fabian Chacur

Em uma era na qual os artistas parecem surgir do dia para a noite, não deixa de ser legal ver alguém que está galgando aos poucos e de forma mais segura os degraus da fama. O alguém em questão é o cantor, compositor e guitarrista norte-americano Adam Granduciel. Ele, ao lado de alguns amigos, criou em 2005 na mítica Filadélfia a banda The War On Drugs. E foram bons anos até o sucesso chegar. Celebrando os frutos desses tempos de luz, ele, aos 42 anos, lança novo single, Living Proof, e anuncia que seu 5º álbum de inéditas sairá em 29 de outubro.

Fascinado por Bob Dylan e um assumido seguidor do autor de Like a Rolling Stone, Granduciel e seus asseclas lançaram três álbuns pelo selo independente Secretly Canadian- Wagonwheel Blues (2008), Slave Ambient (2011) e Lost In The Dream (2014), cativando aos poucos os fãs do rock alternativo com uma sonoridade mesclando folk, rock e country com um quê de psicodelia no meio.

Um convite da Atlantic Records os levou à gravadora multinacional, que lançou seu 4º álbum, A Deeper Understanding (2017). E esse trabalho os alçou ao estrelato, atingindo o 10º posto na parada americana e faturando, em 2018, o Grammy na categoria melhor álbum de rock. Com singles como a extensa e densa Thinking Of a Place (ouça aqui), o álbum enfim os trouxe ao grande público.

Foram quase três anos desde então, com passagens por sete estúdios diferentes, entre os quais o mitológico Electric Lady, até Granduciel enfim surgir com um novo trabalho. I Don’t Live Here Anymore trará 10 faixas, sendo que a primeira delas acaba de ser divulgada. Living Proof, com seu clima introspectivo e clipe com forte tom solitário, poderia estar em Oh Mercy, álbum de 1989 de Bob Dylan. Sim, a influência do bardo é grande, mas não temos aqui o caso de um copiador barato. Não mesmo!

Além do álbum, o The War On Drugs também anuncia uma extensa turnê pela América do Norte e Europa prevista para durar de novembro deste ano a abril de 2022, com direito até a um show no dia 29 de janeiro no lendário Madison Square Garden. Fica a torcida para que a pandemia do novo coronavírus não atrapalhe essa programação. Mas o álbum certamente sairá, um dos discos de rock mais aguardados do ano.

Living Proof (clipe)- The War On Drugs:

Lenny Kravitz lança single com videoclipe filmado nas Bahamas

lenny kravitz raise vibration 400x

Por Fabian Chacur

Desde o começo da pandemia do novo coronavírus, Lenny Kravitz está isolado nas Bahamas, um dos paraísos naturais do planeta. Isolado, mas não parado. Ele acaba de lançar um novo single, Raise Vibration, um rock com pegada hard, influências de John Lennon e Jimi Hendrix e com arranjo trazendo algumas pausas estratégicas de efeito garantido em termos de empolgação. O clipe para divulgá-la tem a direção do badalado fotógrafo e diretor americano Mark Selinger.

Em texto enviado à imprensa, o autor de Are You Gonna Go My Way e It Ain’t Over ‘Til It’s Over explica a motivação básica por trás de sua nova canção:

“Essa música é muito especial para mim. É tudo uma questão de esperança, união e permanência sem medo na busca de sua paixão e propósito. Mark e eu guardamos esta mensagem no coração. Queríamos celebrar a beleza das Bahamas no vídeo e tentar capturar o espírito de inspiração sinônimo das ilhas. É algo que quero compartilhar quando voltar para a estrada. ”

Raise Vibration (clipe)- Lenny Kravitz:

Surf Curse, o duo americano que surpreende com um hit básico

surf curse 400x

Por Fabian Chacur

Pode uma música extraída de um álbum lançado há 8 anos por um obscuro selo indie de repente gerar mais de 85 milhões de streams mundo afora? Pois isso é o que está ocorrendo neste exato momento com Freaks, single do duo americano Surf Curse, que também marca presença nas paradas US Rock (nº 17), UK Singles (nº 64) e UK Indie (nº 10). Outra faixa bacana deles, Disco (ouça aqui), também está fazendo barulho. Mas quem são eles?

Criado em 2013 em Reno, Nevada (EUA) e atualmente radicado em Los Angeles, Califórnia (EUA), o Surf Curse é integrado por Nick Rattigan (vocal e bateria) e Jacob Rubeck (guitarra), com caras de nerds e totalmente desencanados. Apesar do nome, o som deles tem mais a ver com a ala mais básica da new wave do final dos anos 1970, com direito a riffs básicos de guitarra e levada energética de bateria, além de letras concisas e sem firulas.

Até o momento, eles lançaram os álbuns Buds (2013, aquele que inclui o single Freaks), Nothing Yet (2017) e Heaven Surrounds You (2019, que traz Disco entre as suas faixas), além de dois EPs. Se não trazem nada de tão inovador em sua música, eles esbanjam garra e personalidade, o que se reflete em seus shows, normalmente lotados (antes da pandemia, obviamente).

Freaks– Surf Curse:

Wolfgang Van Halen anuncia data de lançamento de seu novo álbum

mammoth wvh capa 400x

Por Fabian Chacur

Em novembro de 2020, Wolfgang Van Halen lançou o emocionante vídeo de Distance, em homenagem a seu saudoso pai, o genial guitarrista Eddie Van Halen (veja o clipe e saiba mais aqui). Agora, ele anuncia a data de lançamento do primeiro álbum de seu projeto solo, o Mammoth WVH. Autointitulado, ele chegará às plataformas digitais e também será disponibilizado em diversos formatos físicos no exterior no dia 11 de junho via Explore1 Music Group-EX1 Records.

Além de Distance, mais uma faixa do álbum já está disponibilizada. Trata-se do consistente hard rock You’re To Blame. O trabalho traz 14 músicas e flagra o ex-baixista do Van Halen entre 2006 e 2020 se desdobrando em todos os instrumentos. Mammoth é um nome usado previamente pela banda do pai de Wolfgang antes de se definir por Van Halen como batismo certeiro e definitivo.

Para divulgar o futuro álbum em programas na TV americana como Jimmy Kimmel Live! e NBC News Today, Wolfgang reuniu um time de músicos que inclui, além dele próprio nos vocais e guitarra, os seguintes músicos: Ronnie Ficarro (baixo e vocais), Jon Jourdan (guitarra e vocais), Frank Sidoris (guitarra) e Garret Whitlock (bateria).

Eis as faixas de Mammoth WVH:
1. Mr. Ed
2. Horribly Right
3. Epiphany
4. Don’t Back Down
5. Resolve
6. You’ll Be The One
7. Mammoth
8. Circles
9. The Big Picture
10. Think It Over
11. You’re To Blame
12. Feel
13. Stone
14. Distance (Bonus Track)

You’re To Blame– Mammoth WVH:

Billie Joe Armstrong, do Green Day, lançará álbum solo de covers

billie joe armstrong no fun mondays 400x

Por Fabian Chacur

Surpreendido pela pandemia do novo coronavírus, Billie Joe Armstrong viu a turnê que faria este ano com o Green Day suspensa por tempo indeterminado. Como forma de aproveitar seu tempo na inevitável quarentena, ele resolveu gravar um álbum solo de covers, cujas músicas foi lançando uma faixa por semana. Agora, chegou a vez de colocar no mercado no próximo dia 27 o pacote completo, com o título No Fun Mondays. No exterior, teremos formatos físicos, mas no Brasil a Warner Music não prevê ir além das plataformas digitais, ao menos por enquanto.

Ele deu mais detalhes em comunicado enviado à imprensa. “Enquanto nós todos estivemos em quarentena, eu estive refletindo sobre as coisas que mais importam na minha vida: família, amigos e, claro, música. Eu descobri que, se nós temos que passar este tempo em isolamento, no mínimo, nós podemos ser solitários juntos”, filosofa o punk rocker.

O álbum reúne 14 releituras de clássicos dos repertórios de John Lennon, Billy Bragg, Johnny Thunders, Tommy James And The Shondels, Dead Boys, Eric Carmem, Stiv Bators, The Clash e Adam Schlesinger, entre outros.

Na faixa Manic Mondays, escrita por Prince com o pseudônimo Christophe e sucesso com as Bangles nos anos 1980, ele conta no vídeo feito via internet com a participação especial de uma das integrantes dessa banda, a talentosíssima cantora e guitarrista americana Suzanna Hoffs.

Eis as faixas de No Fun Mondays:

I Think We’re Alone Now
War Stories
Manic Monday
Corpus Christi
That Thing You Do!
Amico
You Can’t Put Your Arms Round A Memory
Kids in America
Not That Way Anymore
That’s Rock ‘N’ Roll
Gimme Some Truth
Whole Wide World
Police On My Back
A New England

Manic Mondays– Billie Joe Armstrong e Suzanna Hoffs:

Corey Taylor, dos grupos Slipknot e Stone Sour, vem de álbum solo

corey taylor 400x

Por Fabian Chacur

Corey Taylor é um grande cantor. O roqueiro americano de 46 anos já havia comprovado isso em suas duas bandas de imenso sucesso, os mascarados e headbangers radicais Slipnkot e o hard rock intenso Stone Sour. Agora, o cara resolveu mostrar que também sabe se virar sozinho. Seu primeiro álbum solo, intitulado CMFT (sigla para Corey Mother Fucking Taylor), será lançado no dia 2 de outubro pela gravadora Roadrunner, com distribuição em nosso país pela Warner Music Brasil (tomara que também em versão física).

A se levar em conta as duas primeiras amostras do álbum desse artista oriundo da cidade americana de Des Moines (Iowa), vem coisa boa por aí. O primeiro single, CMFT Must Be Stopped (veja o clipe aqui), é uma espécie de rap metal, com participações especiais dos rappers Tech N9ne e Kid Bookie e de 25 amigos famosos do cantor, entre eles Lars Ulrich (Metallica), Rob Halford (Judas Priest), Scott Ian (Anthrax), Marilyn Manson e Nikki Sixx (Motley Crue).

O novo single, que acabou de ser disponibilizado, é a deliciosa Black Eyes Blue, rock energético com tempero pop que poderia estar em um disco do Matchbox Twenty, e esse é um baita de um elogio. Ambas mostram a diversidade de rumos do álbum, que também trará elementos de hard rock, punk, hip hop e classic rock, segundo afirma o material de divulgação. O cara tem pegada e jogo de cintura suficientes para enveredar bem por esses rumos.

A carreira de Corey é repleta de sucessos, incluindo seis álbuns de estúdio e dois ao vivo com o Stone Sour e seis discos de estúdio e dois ao vivo com o Slipknot, nos quais o vozeirão desse sujeito carismático sempre teve muito destaque. A produção de seu CD solo ficou a cargo de Jay Ruston, conhecido por seus trabalhos como produtor e mixador para gente como Anthrax, Diana Ross, Wilson Phillips, Stone Sour, Meat Loaf e Bowling For Soup.

Eis as faixas de CMFT:

HWY 666
Black Eyes Blue
Samantha’s Gone
Meine Lux
Halfway Down
Silverfish
Kansas
Culture Head
Everybody Dies On My Birthday
The Maria Fire
Home
CMFT Must Be Stopped [Feat. Tech N9ne & Kid Bookie]
European Tour Bus Bathroom Song

Black Eyes Blue (clipe)- Corey Taylor:

Adam Levine fuma marijuana no clipe da canção Nobody’s Love

maroon 5 single julho 2020-400x

Por Fabian Chacur

Tem single novo do Maroon 5 no pedaço. E não se trata de qualquer um. Pena que esse destaque não seja em termos musicais, porque Nobody’s Love é bem inferior ao que de melhor a banda americana já nos proporcionou, sendo um eletroreggae pop bem derivativo e sem muito pique. Mas, em seu clipe, o vocalista Adam Levine aparece durante todo o tempo fumando um cigarro daquela famosa e cultuada erva proibida que tanta polêmica traz sempre que entra em pauta.

Com direção a cargo de David Dobkin, que já trabalhou anteriormente com a banda em diversos outros clipes, a filmagem foi feita valendo-se apenas de um iPhone. Nela, Levine é flagrado em uma espécie de sala de estar ao ar livre, com direito a um abajur descolado e um sofá confortável, no qual o cantor permanece mandando bala no seu baseado.

Ao fim da música, que dura pouco mais do que três minutos, aparece um texto na tela com uma mensagem que defende o fim da “guerra contra a marijuana”, que, segundo o texto, “fracassa em reduzir o seu uso e disponibilidade e desvia recursos que poderiam ser melhor investidos em nossas comunidades”.

A banda também promete fazer uma doação à ACLU (American Civil Liberties Union, união americana pelas liberdades civis), que entre outras causas abraça a do fim da guerra contra a marijuana.

Este é o segundo single inédito lançado pelo Maroon 5 nos últimos meses. O primeiro apareceu nas plataformas digitais em setembro de 2019, o também mediano Memories (veja o clipe aqui). Não se sabe se ambos estarão no próximo álbum do grupo americano, que será o sucessor de Red Pill Blues (2017).

Nobody’s Love (clipe)- Maroon 5:

© 2021 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑