Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: acabou chorare

Acabou Chorare é relançado em vinil de luxo

Por Fabian Chacur

Está chegando às lojas mais um item da imperdível série Clássicos em Vinil, que está relançando no formato LP de 180 gramas com conteúdo remasterizado e embalagem luxuosa seminais álbuns da história da MPB. Desta vez, a pérola escolhida pela Polysom é Acabou Chorare, lançado originalmente em 1972 e trabalho mais badalado da riquíssima discografia dos inesquecíveis Novos Baianos.

O grupo na época vivia o auge de sua trajetória, com sua escalação mais famosa: Baby Consuelo (vocal e percussão), Paulinho Boca de Cantor (vocal e percussão), Moraes Moreira (vocal, violão e arranjos), Pepeu Gomes (guitarra, violão, craviola e arranjos), Dadi Carvalho (baixo) e Jorginho Gomes (bateria), além das letras do poeta Galvão. Um time criativo e instigante, que revolucionou com sua mistura de rock, MPB, latinidade e muito mais.

Acabou Chorare, cuja faixa-título surgiu a partir de uma frase da então criança Bebel Gilberto, inclui grandes momentos do songbook da nossa música popular como essa canção belíssima e também Preta Pretinha, A Menina Dança, Mistério do Planeta, Tinindo Trincando, a instrumental Um Bilhete Para Didi e a fantástica releitura de Brasil Pandeiro, de Assis Valente. Um álbum que parece coletânea por incluir tantos hits.

Ouça A Menina Dança, com Os Novos Baianos:

Grande Discoteca Brasileira é imperdível

Por Fabian Chacur

Tudo bem, vou dar uma de “disco enguiçado”, como diria meu folclórico e impagável amigo Mateus Filho.

A meia dúzia de um ou dois que lê Mondo Pop já sabe da coleção Grande Discoteca Brasileira, à venda nas bancas de jornal de todo o país.

São 25 livros com capa dura e em tamanho de disco, que trazem como brinde alguns dos trabalhos mais importantes da história dessa coisa maravilhosa chamada de Música Popular Brasileira.

Sem fronteiras ou preconceitos, pois tem pop rock, samba, samba rock e outras vertentes de nossa música. Só faltou algum representante do Soul Brasil, tipo Tim Maia.

Porque eu volto ao assunto? A razão é simples: os textos de Ricardo Moreira são simplesmente fantásticos.

Ele atua no mercado fonográfico há 27 anos e escreve com um conhecimento de causa e fluência que cativam o leitor.

Seus textos sobre os CDs Clube da Esquina (Milton Nascimento e Lô Borges-1972) e Acabou Chorare (Novos Baianos -1972), por exemplo, são simplesmente definitivos para quem deseja ter uma ideia da importância desses dois trabalhos seminais.

São análises consistentes e bem escritas que não caem no academicismo ou nas “cortinas de fumaça” elitistas que alguns analistas insistem em fazer.

Vá por mim. Essa coleção, que já chegou ao número 7, vai acabar sumindo do mercado daqui a uns poucos meses. Cada volume custa só R$ 14,90 . Dê esse presente a você, compre pelo menos alguns volumes, ou até todos.

Você irá me agradecer, pode ter certeza.

© 2020 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑