Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: teatro décio de almeida prado

Alaíde Costa festeja 80 anos e fará show grátis em São Paulo

Alaíde Costa -foto de Glauker Bernardes-400x

Por Fabian Chacur

Neste mês de dezembro, Alaíde Costa comemora 80 anos muito bem vividos. Como forma de celebrar essa efeméride tão importante, a cantora e compositora carioca realizará neste domingo (6) às 19h00 em São Paulo um show no Teatro Décio de Almeida Prado (rua Cojubá, nº45- Itaim Bibi- fone 0xx11-3079-3438). Os ingressos são gratuitos e devem ser retirados no local uma hora antes do espetáculo.

Nascida no Rio de Janeiro no dia 8 de dezembro de 1935, Alaíde Costa iniciou sua carreira musical em 1955. Gravou o primeiro álbum em 1959 com o apoio do amigo João Gilberto, que de quebra lhe apresentou os nomes mais importantes da então emergente Bossa Nova, da qual se tornou uma das mais importantes e bem-sucedidas intérpretes.

Seu currículo é dos mais nobres. Nos anos 1960, por exemplo, participou do programa televisivo O Fino da Bossa, que era apresentado por Jair Rodrigues e Elis Regina, e um de seus principais sucessos foi Onde Está Você (Oscar Castro Neves- Luverci Fiorini). Em 1972, gravou em dueto com Milton Nascimento a maravilhosa Me Deixa Em Paz, faixa do álbum Clube da Esquina, um dos marcos da história da MPB.

Amiga de Verdade (1988) reuniu convidados como Paulinho da Viola, Milton Nascimento, Ivan Lins e Egberto Gismonti. Dois álbuns gravados em parceria com o pianista João Carlos Assis Brasil, o CD gravado em Paris Falando de Amor (2014) um em homenagem ao amigo Milton Nascimento em 2009 e Canções de Alaíde (2014), este último incluindo apenas composições próprias, são outros marcos de sua carreira.

No show deste domingo (6), Alaíde terá a seu lado o pianista e arranjador Giba Estevez. Ela interpretará canções de outros autores, e também músicas de sua autoria, entre as quais Você é Amor (parceria com Tom Jobim), Amigo Amado (escrita com Vinícius de Moraes), Meu Sonho (escrita com Johnny Alf) e Banzo (feita com José Marcio Pereira). Na agenda, um CD em parceria com Toninho Horta (Alegria é Guardada em Cofres Cardeais) e um DVD comemorativo dos 80 anos de vida.

Me Deixa em Paz– Alaíde Costa e Milton Nascimento:

Você é Amor– Alaíde Costa:

Amigo Amado– Alaide Costa:

Paulo Neto interpreta Belchior em show

Por Fabian Chacur

Nos últimos tempos, pouco tem se falado a respeito de Belchior, a não ser em polêmica bizarra ocorrida há alguns anos em relação a seu “sumiço”, que rendeu até entrevista no Fantástico. Mas a música desse grande cantor e compositor cearense está mais fora da mídia do que honestidade na politica nacional, onde impera o lulo-petismo de Zé Dirceu.

Por sorte, o cantor pernambucano Paulo Neto resolve tirar o autor de Como Nossos Pais do limbo no show intitulado Paulo Neto Canta Belchior. As apresentações ocorrerão dia 27 (sábado às 21h) e 28 (domingo às 19h) no Tetro Décio de Almeida Prado (rua Cojuba, 45- Itaim Bibi- fone 0xx11-3079-3438) em São Paulo, com ingressos gratuitos que poderão ser retirados meia hora antes de cada performance.

O repertório escolhido pelo cantor radicado em São Paulo desde 2006 inclui clássicos do naipe de Apenas Um Rapaz Latino-Americano, Tudo Outra Vez, Coração Selvagem, Como Nossos Pais, Na Hora do Almoço e Divina Comédia Humana, entre outras. Ele será acompanhado por Joan Barros (guitarra), Ricardinho Paraíso (baixo) e Davi Gomes “Piruh” (bateria).

Nascido em Pernambuco, Paulo Neto iniciou sua carreira em 2000, e já participou de CDs como Adoniram 100 Anos (2010), 100 Anos de Nelson Cavaquinho (2011) e 100 Anos de Gonzagão (2012). Ele lançou recentemente Dois Animais na Selva Suja, seu primeiro CD solo, com direção artística do DJ Zé Pedro e produção de Thiago Marques Luiz. O álbum inclui composições de Belchior, Noel Rosa, Sérgio Sampaio, Secos & Molhados e da conterrânea Isabela Moraes.

Ouça trechos das canções de Dois Animais na Selva Suja, de Paulo Neto:

© 2019 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑