Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Tag: 2020

Ricardo Bacelar e Delia Fischer releem Nada Será Como Antes

ricardo bacelar delia fischer

Por Fabian Chacur

Graças à qualidade de seu trabalho, Ricardo Bacelar é presença constante em Mondo Pop (leia mais sobre ele aqui). Desta vez, a motivação é o lançamento do clipe de Nada Será Como Antes, clássico de Milton Nascimento e Ronaldo Bastos que o tecladista, arranjador, compositor e eventual cantor releu ao lado da consagrada cantora, compositora e musicista Delia Fischer.

A belíssima canção lançada por Milton em 1972 no seu antológico álbum Clube da Esquina traz uma letra que se mantém mais atual do que nunca. O dueto de Bacelar e Delia é delicioso, com eles se alternando nos vocais e, em um determinado momento, tocando o piano a quatro mãos. A releitura traz um tempero jazzístico à música, sem no entanto tirar dela a sua essência pop.

A faixa traz, além da dupla, os músicos João Castilho (guitarra), Danilo Sina (sax e flauta), Renato Endrigo (bateria), Alexandre Katatau (baixo) e André Siqueira (percussão). A gravação foi feita durante show que Ricardo realizou em maio de 2018 no Blue Note Rio, no Rio de Janeiro.

Nada Será Como Antes integra o álbum Ricardo Bacelar- Ao Vivo No Rio, já disponível nas plataformas digitais e com boa repercussão nos EUA, Europa e Japão, onde o público fã de jazz e fusion está ouvindo de forma intensa essa geral que o artista brasileiro deu em seu repertório.

Nada Será Como Antes (ao vivo)– Ricardo Bacelar e Delia Fischer:

Monarco celebra 87 anos e Velha Guarda da Portela lança álbum

Teresa Cristina e Monarco da Portela 02-400x

Por Fabian Chacur

Hoje é dia de celebrar os 87 anos muito bem vividos pelo genial Monarco, grande cantor e compositor carioca cujos sambas embalam o povo brasileiro há décadas. Como forma de marcar essa data tão especial, a gravadora Biscoito Fino acaba de disponibilizar nas plataformas digitais Velha Guarda da Portela- Minha Vontade, trabalho que em setembro também merecerá versões físicas em CD e DVD.

Minha Vontade traz o histórico registro de um show em 2015 da Velha Guarda da Portela, que reúne cantores, compositores, ritmistas e instrumentistas ligados ao Grêmio Recreativo Escola de Samba Portela, um dos grandes berços e celeiros do samba carioca. Nesta apresentação, além de Monarco e seu filho, o também talentosíssimo Mauro Diniz, temos participações especiais marcantes.

Cristina Buarque relembra Quantas Lágrimas (Manacéa), que saiu do berço portelense para se tornar um grande sucesso em todo o Brasil em 1974. Por sua vez, Teresa Cristina interpretou a bela Sofrimento de Quem Ama (Alberto Lonato), enquanto Maria Rita mergulhou em Coração em Desalinho (Monarco e Ratinho), que por sinal já faz parte de seu repertório habitual.

O time de músicos que acompanha Monarco e sua turma da pesada inclui o filho Mauro Diniz (cavaquinho) e também Guaracy de Castro (violão 7 cordas), Sérgio Procópio (cavaquinho), Paulão 7 Cordas (violão 7 cordas), Luis Cipião França Barcelos Neto (bandolim), Jorge Luiz Santiago de Sá (percussão), Marcelo de Oliveira Braga (flauta/gaita), Marcos Antônio Diniz (pandeiro), Ubiratan Rodrigues de Mello (trombone), Marcelo Lemos (sopro), Carlos Alberto Braga Júnior (surdo) e Carlos Alberto “Tcha Tcha Tcha” (bateria).

Eis as faixas de Minha Vontade:

1.NATUREZA (Manacea)

2.LENÇO (Monarco / Francisco Santana)

3.VAI SAUDADE (Candeia / David do Pandeiro)

4.DESENGANO (Aniceto)

5.LINDO (Monarco / Noca da Portela)

6.VIVO ISOLADO DO MUNDO // VAI VADIAR (Alcides /Monarco / Alcino Correia)

7.CIDADE MULHER (Paulo da Portela)

8.QUANTAS LÁGRIMAS (Manacea)- Part. Especial: Cristina Buarque

9.SOFRIMENTO DE QUEM AMA (Alberto Lonato)-Part. Especial: Teresa Cristina

10.COCÓROCÓ (Paulo da Portela)

11.VOCÊ ME ABANDONOU (Alberto Lonato)

12.PASSADO DE GLÓRIA (Monarco)

13.MINHA VONTADE (Chatim)

14.CORRI PARA VER (Monarco / Chico Santana / Casquinha da Portela)

15.PORTELA QUERIDA (Picolino / Noca da Portela / Colombo)

16.A CHUVA CAI (Argemiro / Casquinha)

17. CORAÇÃO EM DESALINHO (Monarco / Ratinho) Part. Especial: Maria Rita

Coração em Desalinho (ao vivo)- Maria Rita e Velha Guarda da Portela:

Eagles lançam trabalho ao vivo estreando sua nova formação

eagles cd dvd live 2020-400x

Por Fabian Chacur

Com a morte do grande cantor, compositor e músico Glenn Frey (1948-2016), a impressão geral é que também teria fim o grupo que ele ajudou a fundar em 1971, os Eagles. No entanto, em 2017, seu parceiro Don Henley resolveu tocar adiante a banda. Agora, chega a vez de seu primeiro lançamento nessa nova fase. Trata-se de Live From The Forum MMXVIII (Rhino Records), que chegará em breve ao mercado nas plataformas digitais e, no exterior, nos formatos físicos CD duplo, CD duplo+DVD, CD duplo+Blu-ray, 4 LPs e caixa com 4 LPs, dois CDs e um Blu-ray.

obs.: a Warner Brasil informou nesta terça-feira (7) que Live From The Forum MMXVIII chegará às plataformas digitais no dia 16 de outubro, e chegará ao nosso país também no formato físico CD duplo.

Além do cofundador Don Henley, a seminal banda americana mantém em sua nova escalação Joe Walsh e Timothy B. Schmidt. Para tentar preencher a vaga deixada por Glenn, entraram em cena seu filho Deacon Frey, hoje com 27 anos, e o astro country Vince Gill, que possui mais de 20 álbuns-solo em seu currículo, 21 prêmios Grammy e inúmeros hits, além de duetos marcantes com cantoras como Amy Grant, Reba McEntire, Sheryl Crow e Dolly Parton.

Com mais alguns músicos de apoio, a nova encarnação dos Eagles estreou em julho de 2017, e desde então fez apresentações pelos EUA, Europa e Oceania. Em setembro-outubro de 2019, tocaram na íntegra o álbum Hotel California (1976), um de seus trabalhos mais bem-sucedidos, em três concorridos shows no MGM Grand Garden Arena, em Los Angeles.

O novo trabalho ao vivo desta lendária banda americana teve seu material extraído das gravações de shows realizados nos dias 12, 14 e 15 de setembro de 2018 no Inglewood Forum, na California. São 26 músicas, com direito a hits de todas as fases de sua carreira, adicionando algumas canções gravadas por Don Henley e Joe Walsh fora da banda e também um sucesso solo de Vince Gill, Don’t Let Our Love Start Slippin’ Away, de 1992.

Vale lembrar que a ligação entre os Eagles e Vince Gill é antiga. O cantor interpretou a música I Can’t Tell You Why no álbum Common Thread: The Songs Of The Eagles (1993), tributo feito por astros country como Travis Tritt, Little Texas, Alan Jackson e Brooks & Dunn cujo grande sucesso foi um dos fatores que motivou o retorno da banda em 1994, após 14 anos longe de cena. Timothy B. Schmidt, coautor dessa canção e seu intérprete em sua gravação (no álbum The Long Run, de 1979), fez backing vocals na releitura de Gill.

Eis as faixas de Live From The Forum MMXVIII:

CD 1

– SEVEN BRIDGES ROAD
– Joe Walsh: “How ya doin?”
– TAKE IT EASY
– ONE OF THESE NIGHTS
– Don Henley: “Good evening, ladies and gentlemen”
– TAKE IT TO THE LIMIT
– TEQUILA SUNRISE
– IN THE CITY
– Timothy B. Schmit: “Hey, everybody, that’s Joe Walsh”
– I CAN’T TELL YOU WHY
– NEW KID IN TOWN
– Don Henley: “Just want to thank all of you…”
– HOW LONG
– Deacon Frey: “Hello, everybody…”
– PEACEFUL EASY FEELING
– OL’ 55
– LYIN’ EYES
– LOVE WILL KEEP US ALIVE
– Vince Gill: “How about a nice hand for California, man…”
– DON’T LET OUR LOVE START SLIPPIN’ AWAY
– THOSE SHOES

CD 2

– ALREADY GONE
– WALK AWAY
– Joe Walsh: “Is everybody OK?”
– LIFE’S BEEN GOOD
– THE BOYS OF SUMMER
– HEARTACHE TONIGHT
– FUNK #49
– LIFE IN THE FAST LANE
– HOTEL CALIFORNIA
– ROCKY MOUNTAIN WAY
– DESPERADO
– THE LONG RUN

Obs.: o repertório do DVD-Blu-ray é exatamente igual ao do CD.

Veja, do show, Take It To The Limit (filmagem amadora):

© 2022 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑