Por Fabian Chacur

Há filmes que marcam as nossas vidas, e certamente Mr. Holland, Adorável Professor (Mr. Holland’s Opus– 1996) é um deles.

A forma como eu o descobri foi muito peculiar.

Com a lamentável morte do meu irmão Victor, em 1999, acabei herdando boa parte de seus discos.

Entre eles, estava exatamente a trilha de Mr. Holland Opus, filme que eu nem mesmo sabia que existia.

Anos depois, tive a oportunidade de vê-lo na TV a cabo. Desde então, revi essa maravilha umas dez vezes, mas só uma na íntegra, o que ocorreu neste sábado (8).

Dirigido por Stephen Herek, o filme aborda a vida do músico Glenn Holland, que em 1965 resolve de forma relutante investir provisoriamente na carreira de professor de música em um colégio americano.

Seu projeto era se manter na função por no máximo quatro anos, enquanto se preparava para mergulhar na carreira de compositor.

Recém-casado na época com Iris, o nascimento do primeiro filho e também o envolvimento com a nova profissão acabam mudando seus planos.

Glenn Holland, papel vivido pelo excelente ator Richard Dreyfuss (de Tubarão, A Garota do Adeus, Tocaia e tantos outros filmes), muda da insegurança e do ceticismo inicial para a irrepreensível postura de um profissional entusiástico, disposto a tirar o melhor de seus alunos.

Melhor: seu objetivo, na verdade, é sempre fazer com que eles aprendam não meras noções de leitura e história musical, mas sim a saber apreciar e até mesmo amar a música.

Sua trajetória, durante 30 anos em um mesmo colégio, é emocionante.

Versátil, ele ouve de tudo, desde música erudita até o rock and roll mais básico, passando esse ecletismo para seus alunos.

Mr. Holland, Adorável Professor é uma lição de vida, de companheirismo, de como fazer a diferença na vida dos outros e, principalmente, de como faz bem mergulhar de cabeça na música.

O CD com a trilha decepciona um pouco por conter apenas 12 das mais de 20 músicas tocadas durante o filme, deixando de fora maravilhas como Louie Louie, assim como a emocionante (embora tecnicamente tosca) interpretação de Dreyfuss para Beautiful Boy (Darling Boy) de John Lennon.

A bela voz de Jean Louisa Kelly, que interpreta o papel da jovem cantora Rowena Morgan, também ficou de fora, ela que cantor de forma belíssima clássicos de George Gershwin como Someone To Watch Over Me.

Ou seja, o grande lance é ver o filme. Faça isso! Essa é mais uma dica que devo ao Victor. E nunca saberei o quanto ele gostou de Mr. Holland, O Adorável Professor

Veja o trailer de Mr. Holland’s Opus: