Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Os 60 anos e a saudade de Karen Carpenter

Por Fabian Chacur

Esta terça-feira, dia 2 de março, deveria ter sido um dia de festa em uma certa casa nos Estados Unidos. A cantora Karen Carpenter sopraria velinhas e comemoraria o fato de virar sessentona. Deus não quis.

A dona de uma das vozes mais doces, belas e de tom levemente melancólico nos deixou em um triste 4 de fevereiro de 1983, antes mesmo de completar 33 anos. Ficaram a saudade e também uma obra repleta de pérolas sonoras.

Ao lado do irmão Richard (pianista e arranjador), Karen criou o grupo The Carpenters, que entre1969 e 1983 lançou trabalhos irregulares, sim, mas nos quais os momentos brilhantes foram de altíssimo quilate.

Os irmãos americanos não revolucionaram a música, não investiram na rebeldia nem quando eram moleques e na verdade equivaliam a uma espécie de retomada da tradição pop dos anos 50.

Românticos, não contestadores e bem-comportados, eles nos entanto nos proporcionaram belas canções sobre amores realizados e desfeitos, saudade, ingenuidade e aquelas coisas bonitas de que tanto gostamos, embora às vezes tenhamos vergonha de admitir.

São diversas as canções da dupla de que gosto. Rainy Days And Mondays, Close To You, Superstar, We’ve Only Just Begun, Yesterday Once More, I Need To Be In Love Solitaire são provavelmente as minhas favoritas.

As releituras de sucessos alheios também costumavam ser bem interessantes, com destaque para a versão mais lenta de Ticket To Ride, dos Beatles, e a leve e gostosa Please Mister Postman, que tanta gente regravou.

De certa forma e em termos mais de espírito, os Carpenters são muito próximos do Abba, outra grande banda pop dos anos 70. Eles eram românticos, populares e vez por outra se atolavam com tudo no brega, mas quando acertavam….. Era música para sempre.

Confesso que algumas das músicas dos Carpenters me fazem chorar de emoção, mesmo hoje. Pode ser devido a lembranças da minha infância/adolescência. Pode ser por lamentar o fim tão precoce de Karen.

Sei lá! O importante é ouvir esse trabalho, que foi reabilitado pelos “descolados” a partir de 1994 com o lançamento do CD tributo If I Were a Carpenter, com participação de Sonic Youth, Sheryl Crow, Cranberries, Grant Lee Buffalo e outros nomes bacanas.

Aliás, a versão do Sonic Youth para Superstar é simplesmente genial. Ouça agora! Lógico que a gravação original é melhor, mas uma não invalida a outra.

35 Comments

  1. Errar nome de música dos Beatles é pecado, hein…

  2. Alexandre Damiano

    March 3, 2010 at 9:35 pm

    Uma voz linda mesmo Fabian. e mesmo sendo 10 anos mais novo do que você, tenho tambem grandes lembranças das musicas que minha mãe ouvia no toca fitas do carro…aquelas fitas basf pretas com adesivos amarelos….

    e uma morte besta de uma doença idiota.

    abraços

  3. Nossa, pude visualizar a tal fita Basf. hehehehe.

    Engraçado que até nos dias de hoje, anorexia é de difícil diagnóstico.Imagino o que ela sofreu naquela época.Sempre assim, um tem que morrer para chamar atenção para a causa.

    Eu me lembro de ter tido contato com a obra dos Carpenters aos 12 anos quando assisti ao filme sobre a vida da Karen Carpenter.Acho uma das vozes mais bonitas daquela década.

    P.s: a versão do Sonic Youth é uma graça.O Thurston Moore é fã confesso do Carpenters e jamais deixaria o Sonic Youth fora do tributo.

  4. Oi, Fabian

    A voz de Karen Carpenter é um verdadeiro antidoto pra quem não aguenta aberrações que confundem gritaria com emoção como Mariah Carey, Celine Dion, Lady Gaga, Beyonce, Rihanna, Britney Spears, Cristina Aguilera e a morimbunda da Whitney Houston. Alias, não só a voz de Karen mas também de Carole King, Carly Simon, Joni Mitchell, Laura Nyro, Kate Bush, Linda Ronstadt, Grace Slick, Roberta Flack, Tracy Chapman, Suzane Vega e Joan Armatrading (salvo nos dias de hoje Joss Stone e Duffy).

    Minha música preferida da dupla é com certeza A Song For You. Apesar de algumas vezes cair no”mela-cueca”, suas musicas vão ficar pra sempre,é duradoura. Cá entre nós, Fabian, será que daqui há 20, 30, 40 anos alguem vai ser lembrar de alguma musica do Cansei de Ser Sexy (ou Cansei Desta Merda) e Bonde do Rolê?

    Como tudo não são flores, o unico defeito da dupla foi não ter tido um Personal Stylist, já vi videos da dupla no You tube e eles tinham um visual cafona “pacas”, de chorar de rir.

    Aproveito para deixar minha sugestão para seção de discos indiscutíveis: o primeiro album dos Stone Roses e o único album dos News Radicals.

    Abraços
    André Luiz

  5. Claudio Romano

    March 5, 2010 at 1:24 pm

    O que posso dizer de uma pessoa que fez parte da minha adolescencia e me ajudou a curtir melhor a vida, junto com tantos outros cantores que me embalaram nos sonhos do romantismo ??
    Muito obrigado.
    Voce nao estah mais aqui, porem a sua voz ainda eh ouvida, ainda embala coracoes, sua passagem por esse mundo, com certeza, nao foi em vao.
    Obrigado Karen, muito obrigado mesmo.
    Voce faz muita falta, muita mesmo.

  6. fabian chacur

    March 6, 2010 at 9:10 pm

    Quantas músicas e artistas legais a gente não conheceu através dessas fitas cassete, heim, Alexandre?
    Concordo com você, André Luiz, a Karen era da mesma escola das cantoras citadas por você, e antítese das gritadoras também citadas por você. O disco do Stone Roses eu já coloquei na relação dos discos indiscutíveis. O do New Radicals completou 10 anos de lançamento há pouco, é uma belíssima dica, vou colocar na minha lista, sim.
    Carla, Karen Carpenter realmente cantava muito, a ponto de ter fãs em todos os setores musicais, até mesmo nos mais alternativos, como o Sonic Youth.
    Cláudio, a moça viverá para sempre nos discos maravilhosos que nos deixou como legado.

    Abraço a todos vocês, e muito obrigado pela visita qualificada de sempre!!!!

  7. Pecado grave, Luiz Fernando, gravíssimo, mas já está corrigido!!!! Digitar na correria dá nisso……Devidamente corrigido. Muito obrigado, e espero que você volte por aqui mesmo assim, e não se hide de Mondo Pop eheheheheh (essa foi de doer!!!)

  8. Quando escuto a musica dos carpenters, me sinto como se Eu ja tivesse vivido aquela epoca

  9. Quanto a mim, conheci os Carpenters quando tinha 20 anos. Hoje tenho 33 e sei que não fiz parte daquela época, mas percebi em suas músicas o puro sentido da vida. Suas canções me tocam até hoje e me emocionam quando as ouço. Karen, foi, com certeza, a melhor ou umas das melhores cantoras daquele tempo. Sua voz é incomfundível. Uma pena ter ido tão sedo aos 32 anos. Hoje, teria feito 60 em 2 de março. Mas é assim mesmo, quando Deus se encanta com algo, Ele procura trazer para perto de Si. Hoje os céus se alegram com a presença dela. Faz muita falta aqui na Terra, mas tenho certeza que esquecida jamais será. Você vive em nossos corações Karen e lá permanecerá para sempre e nós estaremos com cetreza ” close to you “.

  10. Quanto a mim, conheci os Carpenters quando tinha 20 anos. Hoje tenho 33 e sei que não fiz parte daquela época, mas percebi em suas músicas o puro sentido da vida. Suas canções me tocam até hoje e me emocionam quando as ouço. Karen, foi, com certeza, a melhor ou umas das melhores cantoras daquele tempo. Sua voz é incomfundível. Uma pena ter ido tão sedo aos 32 anos. Hoje, teria feito 60 em 2 de março. Mas é assim mesmo, quando Deus se encanta com algo, Ele procura trazer para perto de Si. Hoje os céus se alegram com a presença dela. Faz muita falta aqui na Terra, mas tenho certeza que esquecida jamais será. Você vive em nossos corações Karen e lá permanecerá para sempre e nós estaremos com certeza ” close to you “.

  11. Olá,
    Admito ficar meio introspectiva qdo ouço Carpenters, mas, sinceridade: que delícia de voz… eu estava lendo agora sobre anorexia, enquanto ouvia os principais sucessos da dupla. Acho que o caso dessa moça pode muito bem ser trabalhado em sala de aula, aproveitando-se a temática da doença, e trazendo um pouco dos anos 60, 70 e 80 pra essa galerinha, tão acostumada a ouvir essas… preciso manter a compostura rsrsrs essas músicas de pouca qualidade, que tocam a torto e a direito.
    Abraços a todos.

  12. idolatrada. Canto avemaria com ela.É amais linda e emocionante

  13. A voz e o talento de Karen Carpenter deixaram saudades nos fãs de boa música. Ainda bem que seus discos continuam por aí, para que possamos curtir suas interpretações belíssimas. Obrigado pela visita, Oneida, e volte sempre!!!

  14. claudinei pereira

    December 30, 2013 at 6:58 pm

    Fabian,parabéns por homenagear essa cantora que seguramente não foi só uma das mais belas vozes da sua época como foi citado por alguns colegas acima,mas Karen é certamente uma das mais belas vozes da história da música em todos os tempos.Saudades Karen e Deus abençoe e conforte cada vez mais os seus familiares,entes queridos e todos nós (seus admiradores).

  15. admin

    January 5, 2014 at 1:33 am

    Obrigado pelo elogio, Claudinei. Karen Carpenter faz muita falta, e sua voz doce ainda irá lavar a alma de gerações e gerações, pois, felizmente, o ser humano se vai, mas sua obra se mantém por aí, disponível para ser apreciada por todos nós. Obrigado pela visita e volte sempre!!!!

  16. lucas mendes araujo

    February 5, 2014 at 12:37 pm

    Para mim,nunca existira uma cantora igual a karen carpenter,a que mais se aproximou foi a cantora japonesa keiko toge,karen era doce,meiga,amavel e muito romantica,ela marcou os
    anos 70 com uma melodia muito linda e muito romantica,ela me lembra uma namorada que
    tive em 76 com a musica only yesterday,porem ela se foi tão cedo,de repente,deixou um vazio
    muito grande na minha vida,estou digitando este comentario e ao mesmo tempo estou chorando
    com muitas saudades e lembranças dela,que ela esteja num lugar muito especial,numa dimenção que não sabemos as coordenadas,mas que el estara olhando por todos os seus fans que são infinitos.

  17. admin

    February 7, 2014 at 4:08 pm

    Belo depoimento, Lucas. A voz de Karen Carpenter se mantém aí, viva, nos maravilhosos álbuns que gravou durante seus breves (porém intensos) anos de vida, e felizmente poderemos ouvi-la sempre que quisermos/pudermos. Se o corpo se foi, a alma se manteve em suas gravações. Que bela voz. Grande abraço, obrigado pela visita e volte sempre!!!

  18. Maria Shirley de Fatima Pedro

    March 2, 2014 at 9:55 pm

    Estava pensando nos irmãos carpenters e acidentalmente fiquei sabendo que hoje a Karen Carpenter se estivesse viva faria 64 anos, que saudade! até hoje sinto sua falta, uma voz incrível e uma morte na opinião de seus fãs tão prematura, vou ouvir suas musicas com muito carinho e respeito, essa será minha homenagem a ela neste dia que para mim é só dela.

  19. admin

    March 6, 2014 at 5:16 pm

    Maria Shirley, é impressionante como esse post, que publiquei em 2010, é popular. Isso demonstra que preciso escrever mais alguma coisa sobre os Carpenters por aqui, pois os irmãos Karen e Richard merecem. Muito obrigado pela visita e volte sempre!!!

  20. Saudade…saudade…saudade….pra sempre Carpenters!Infelizmente minha admiracao pela dupla e muito mais postuma do que outra coisa, pois quando ela morreu eu era uma pre adolescente…e ouvia timidamente suas musicas.Minha predileta e Make Believe it`s your first time.

  21. Saudades……saudades

  22. amo a música close to you …olhei a tradução e não achei grande coisa mais na voz de Karen ficou linda … apesar dos meus vinte e poucos anos gosto muito de musicas antigas são bem melhores que as de hoje em dia!

  23. Shoo be doo bang bang….acompanhei os CArpenters a partir do final dos anos 70 até a morte de Karen. As músicas da dupla embalaram meu coração e alavancaram muitos romances. A minha favorita é “I Need To be In Love”, simplesmente linda.

  24. bom dia.
    minha admirção pelos Carpenters será eterna,não conheço voz melhor que a de Karen,sobre ela até pintei 4 telas.

  25. admin

    August 2, 2016 at 5:01 pm

    Nossa, Abraão, que legal. Melhor inspiração para pintar do que essa voz inesquecível e iluminada eu imagino que seja difícil encontrar. Grande abraço e muito obrigado pela visita!

  26. Não há como ouvir Carpenters e não se emocionar. Quanto maior o brilho, menor a vida de uma estrela. Fez parte da minha adolescência, bailinhos no terraço das casas dos amigos e muito mais agora, pelo saudosismo e pela lembrança dos velhos tempos. Fico de pé ao final deste post em respeito e reconhecimento ao valor dos Carpenters.

  27. Belas músicas, belos arranjos, belo tudo… Marcou mesmo uma época, Reinaldo, e é uma obra que sempre será relembrada. Grande abraço e muito obrigado pela visita!

  28. Karen se foi cedo, mas deu ao mundo essa possibilidade de escutar sua voz maravilhosa, doce e nostálgica, que pode ser apreciada até os dias atuais. Música boa é imortal e é isso que os Carpenters são. Imortais, pois deixaram um legado incrível. Abraços de uma grande fã da dupla!

  29. Belo depoimento, Victoria. Impressionante como esse despretensioso post que fiz sobre a maravilhosa Karen Carpenter continua rendendo comentários, seis anos após a sua publicação. Prova de que uma artista do gabarito dela nunca será esquecida!!! Valeu pela visita, e volte sempre, você que tem o mesmo nome da minha saudosa mãe.

  30. bom dia .
    volto aqui mais uma vez,pois toda vez que vejo uma foto dos carpenters ,me vem as
    eternas lembranças,daquela voz de ouro,inigualavel,voz angelical de karen,peço
    ao administrador do blog,que se um dia voçê me permitir ,eu possa enviar sa fotos das telas que pintei da dupla ,são 5 telas,não como promoção para mim,pois pintar
    é um roby, foi apenas um tributo meu a essa dupla inesquecível,no mais bom dia a todos.

  31. Oi pessoal
    Estrearemos um musical tributo aos Carpenters em junho dia 08 em SP. Teatro Fernando Torres. Eu cantar e 23 musicais dela.ficarei feliz com a presença de vcs

  32. Nossa, saiu errado a escrita. Corretor…

  33. Marco Aurélio

    April 6, 2017 at 1:20 am

    Não consigo nem me expressar, acho que a voz dela é trazido por anjos, pois acalma meu espirito. nunca ouvi nada igual e sinto tanta emossão . Ela é uma escolhida a por Deus a voz mais linda de todos os tempos. O maior icone dos ícones.

  34. Marco Aurélio

    April 6, 2017 at 1:20 am

    Não consigo nem me expressar, acho que a voz dela é trazido por anjos, pois acalma meu espirito. nunca ouvi nada igual e sinto tanta emossão . Ela é uma escolhida a por Deus a voz mais linda de todos os tempos. O maior icone dos ícones.

  35. Fabian Chacur

    April 6, 2017 at 7:18 pm

    A voz ela é realmente de arrepiar, Marco Aurélio. Graças a Deus que temos seus discos maravilhosos para recordá-la. Parabéns pelo bom gosto, e muito obrigado pela visita a Mondo Pop, volte sempre!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

*

© 2017 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑