Mondo Pop

O pop de ontem, hoje, e amanhã...

Aqui, dos Almôndegas, enfim sai em CD

Por Fabian Chacur

Dos quatro álbuns lançados pelo extinto grupo gaúcho Almôndegas, apenas um teimava em não aparecer no formato CD. Graças ao selo Discobertas, distribuído pela Warner Music, essa lacuna enfim foi preenchida.

Trata-se de Aqui, o segundo álbum do grupo que revelou os irmãos Kleiton e Kledir Ramil. Lançado em 1975 no formato vinil, apenas algumas faixas do disco haviam saído no formato digital, em coletâneas. Uma delas (de 1994), pasmem, com a capa do Aqui, embora só inclua algumas faixas dele. Coisas da indústria fonográfica nacional…

Agora, temos o álbum na íntegra, com capa original, reprodução do encarte, letras e ficha técnica completa. Só faltou mesmo um texto contextualizando o disco dentro da excelente obra da banda, extinta em 1979.

Curiosamente, Aqui traz o maior sucesso da carreira do grupo de rock rural gaúcho, a maravilhosa Canção da Meia-Noite, que se tornou conhecida nacionalmente como tema da novela global Saramandaia.

O disco é uma deliciosa obra na qual o time então integrado pelos irmãos Ramil e também João Batista (baixo elétrico e vocais) e Gilnei Silveira (percussão) investe em uma sonoridade basicamente acústica na qual misturam rock, folk e a música gaúcha tradicional.

Além de Canção da Meia-Noite, escrita pelo guitarrista Zé Flávio, que teve várias músicas de sua autoria gravadas pelo grupo antes de entrar oficialmente no time em 1977, o álbum inclui maravilhas como Haragana, Séria Festa, Elevador, Amor Caipira e Trouxa das Minas Gerais e Gaudêncio Sete Luas.

Os outros álbuns dos Almôndegas são Almôndegas (1975), Alhos Com Bugalhos (1977) e Circo de Marionetes (1978) e saíram no formato CD na década passada, o primeiro pela Warner e os outros dois pela Universal Music. Valem o preço que vocês pagarem neles, pois estão fora de catálogo e só estão disponíveis em sebos e lojas com bons estoques.

Veja clipe com Canção da Meia-Noite, com os Almôndegas:

2 Comments

  1. aguinaldo carvalho

    May 24, 2012 at 10:42 pm

    Maravilhosa a notícia, o tenho em vinil, que poderá finalmente descansar um pouquinho.

  2. admin

    May 25, 2012 at 1:42 pm

    É, Aguinaldo, demorou mas enfim esse disco maravilhoso chegou ao formato CD. E o inevitável conselho: compre o seu o quanto antes, porque é o tipo de lançamento que infelizmente sai de catálogo rapidinho. E a edição está caprichada, vale a pena. Obrigado pela visita e volte sempre que puder/quiser!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

*

© 2022 Mondo Pop

Theme by Anders NorenUp ↑